Em rodada equilibrada, Seleção FI da Copa Paulista tem jogadores de oito times

Nenhum time venceu por mais de um gol de diferença e dois jogos terminaram empatados

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 08 (AFI) - O primeiro turno da terceira fase da Copa Paulista chegou ao fim neste domingo com dois jogos. Em rodada equilibrada, nenhum time venceu por mais de um gol de diferença e dois jogos terminaram empatados. Até por isso, nenhum time dominou a Seleção FUTEBOL INTERIOR.

O XV de Piracicaba colocou dois nomes pois conquistou sua segunda vitória, mostrando novamente sua força ofensiva com três gols. O Comercial, ao contrário, se mostrou compacto, o que garantiu na lista seu goleiro e volante. Outro que colocou dois nomes foi o EC São Bernardo, que não vacilou em casa.

SÓ NO FUTEBOL INTERIOR
Organizada pela Federação Paulista de Futebol (FPF), a competição tem cobertura completa pelo Portal Futebol Interior. Os jogos podem ser acompanhados online pelo PLACAR AO VIVO e também pelo aplicativo.

O App Placar FI está disponível tanto no Google Play como na App Store. Depois com comentários e fichas técnicas e cada jogo e notícias dos times.

CONFIRA COBERTURA COMPLETA DA COPA PAULISTA!


O TIME

Iago Hass (Comercial),

Ynaiã (Taubaté), Reniê (Mirassol), Júnior Alves (São Caetano) e Carlinhos (EC São Bernardo);

Wellington Simião (XV de Piracicaba), Tauã (Comercial) e Cristian (Ferroviária);

Tcharlles (Inter de Limeira), Johnny (EC São Bernardo) e Rafael Macena (XV de Piracicaba).

Técnico: Ivan Izzo (Taubaté)


Goleiro: Iago Hass (Comercial) - O sistema defensivo do Comercial atuou de maneira perfeita e anulou o ataque do Juventus. O goleiro Iago Hass foi peça importante para passar segurança aos seus companheiros, sempre bem posicionado e saindo com segurança nos momentos que precisou.

Lateral-direito: Ynaiã (Taubaté) - As melhores oportunidades do Burro da Central no vira-vira sobre a Ferroviária vieram dos pés do jovem atleta, maior destaque alviazul na Copa Paulista. Polivalente, ainda encerrou o confronto na lateral esquerda, na vaga de Diego, enquanto Carlinhos assumiu a direita.

Reniê, zagueiro do Mirassol
Reniê, zagueiro do Mirassol

Zagueiro: Reniê (Mirassol) - A melhor defesa é o ataque. Além de atuar bem defensivamente, o zagueiro Reniê se aventurou no ataque e usou a cabeça para marcar o gol da vitória do Mirassol diante do Nacional fora de casa. Com isso, sua equipe conquistou o terceiro triunfo e segue 100% nesta fase.

Zagueiro: Júnior Alves (São Caetano) - Jogando fora de casa, o Azulão encontrou um Rio Claro motivado a conseguir uma vitória e com postura ofensiva. Apesar de a vitória não ter vindo, Júnior Alves comandou o setor defensivo para que sua equipe pontuasse e se mantivesse invicta nesta fase na primeira colocação.

Lateral-esquerdo: Carlinhos (EC São Bernardo) - Versátil, Carlinhos conseguiu contribuir na marcação no jogo contra o Atibaia e ajudou sua equipe a seguir na cola do Taubaté. Quando teve oportunidade, apareceu como elemento surpresa no ataque, confundindo os marcadores com sua velocidade.

Jogadores do Comercial comemorando gol de Tauã. (Foto: Rafael Alves / Comercial FC)
Jogadores do Comercial comemorando gol de Tauã. (Foto: Rafael Alves / Comercial FC)

Volante: Wellington Simião (XV de Piracicaba) - O ex-jogador do Coritiba mostrou que será peça essencial do Nhô Quim. Como bom meio-campista, organizou a marcação e chegou à frente para marcar o gol da vitória alvinegra sobre o Água Santa em pleno Distrital do Inamar.

Volante: Tauã (Comercial) - O Leão dominou as ações diante do Juventus, mas precisou que o meio-campista, o qual se destacou tanto pelo poder de marcação quanto pela chegada à frente, aparecesse como elemento surpresa para garantir a vitória com belo gol.

Cristian, da Ferroviária
Cristian, da Ferroviária

Meia: Cristian (Ferroviária) - A Locomotiva Grená até perdeu o duelo para o Taubaté, mas o experiente meio-campista se destacou. Chamou a responsabilidade, criou oportunidades e foi caçado pela forte marcação adversária. Não à toa, anotou um dos gols afeanos no Joaquinzão.

Atacante: Tcharlles (Inter de Limeira) - O Leão da Paulista recebeu o Santo André com a missão de vencer para seguir firme na luta pela classificação no Grupo 7. E conseguiu graças ao brilho do jogador, que mostrou faro de gol para ir às redes duas vezes e garantir a vitória por 2 a 1.

Atacante: Johnny (EC São Bernardo) - Mostrou faro de gol na vitória pelo placar mínimo do Cachorrão do ABC sobre o Atibaia, resultado que colocou a equipe do ABC na segunda colocação do Grupo 5, dentro da zona de classificação para a terceira fase.

Técnico Ivan Izzo, do Taubaté
Técnico Ivan Izzo, do Taubaté

Atacante: Rafael Macena (XV de Piracicaba) - Visitar o Água Santa, em Diadema, é sempre tarefa indigesta, mas o Nhô Quim conseguiu sair do Distrital do Inamar com a vitória. Um dos motivos foi a atuação do avante, que abriu o marcador, encaminhando o triunfo por 3 a 2.

Técnico: Ivan Izzo (Taubaté) - O Burro da Centeal saiu vencendo a Ferroviária, mas tomou a virada e ia jogando pior. O comandante, então, fez belas modificações, as quais mudaram o cenário e possibilitaram a virada que deu a liderança do Grupo 5 ao time do Vale do Paraíba.