Seleção FI da sexta rodada do Paulista A3 chega com técnico do novo líder

A inovação no tradicional 4-4-2 vem com os três meias mais ofensivos e apenas Eurico (Velo Clube) na ‘volância’

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) - A sexta rodada do Campeonato Paulista da Série A3 foi disputada de maneira integral neste final de semana e teve um grande destaque: a vitória heroica - de virada - do Desportivo Brasil sobre o Osasco Audax. O resultado colocou o Dragão Chinês na liderança da tabela de classificação. Não à toa, o técnico da equipe, Simão Freitas, integra a Seleção FI.

O timaço vem escalado no tradicional 4-4-2. A inovação vem com os três meias mais ofensivos, Diego Souza (Taboão da Serra), Romarinho (Comercial) e Alex Nemetz (Desportivo Brasil), e apenas Eurico (Velo Clube) na ‘volância’. Os ‘laterais-artilheiros’ também chamam a atenção: Raphael (EC São Bernardo)e Lucas (Monte Azul) foram essenciais para os resultados das respectivas equipes.
Simão Freitas
Simão Freitas


O TIME

Leandro Santos (Comercial);
Raphael (EC São Bernardo), Jean Pierre (Noroeste), Rodrigo Sabiá (Capivariano) e Lucas (Monte Azul);
Eurico (Velo Clube), Diego Souza (Taboão da Serra), Romarinho (Comercial) e Alex Nemetz (Desportivo Brasil);
Caio Martins (Monte Azul) e Robinson (Olímpia).
Técnico: Simão Freitas (Desportivo Brasil).


COMO ELES FORAM NO FINAL DE SEMANA?


Goleiro - Leandro Santos (Comercial):
Foi o grande protagonista do triunfo comercialino sobre o Rio Preto. Nos acréscimos do segundo tempo, quando o time alvinegro já vencia a partida, o arqueiro do time da casa precisou matar um contra-ataque e derrubou o atacante Victor Mateus.Na cobrança de pênalti de Jefferson Paulista, o camisa 1 se redimiu fazendo bela defesa.


Lateral-direito - Raphael (EC São Bernardo):
O ala mostrou muita vitalidade -especialmente, apoiando o ataque - no duelo diante do Primavera. Assim, não foi de se espantar que ele quem anotou o gol que abriu o marcador. Aos 12 minutos do primeiro tempo, Vinícius cobrou escanteio na cabeça de Marcelo Augusto, que testou na trave. O defensor pegou a sogra e só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes.


Zagueiro - Jean Pierre (Noroeste):
O Norusca fez um jogo franco diante do Batatais, no Scatenão. Um dos motivos por a bola não ter entrado foi o bom trabalho da defesa noroestina - principalmente, de Jean Pierre. Por cima ou por baixo, lá estava o ‘xerifão’ para parar o ataque adversário.


Zagueiro - Rodrigo Sabiá (Capivariano):

O meia-atacante Cuadrado foi expulso no começo do segundo tempo, prejudicando as pretensões do Leão da Sorocabana, que visava a vitória. Assim, o empate com o São Carlos não é de todo mal, ainda mais pela pressão imposta pelo adversário, mas boicotado pela forte defesa liderada por Rodrigo Sabiá.


Lateral-esquerdo - Lucas (Monte Azul):
O Azulão venceu o Grêmio Osasco, em partida que ficou marcada pelas duas viradas e muitas chances de gol - além dos dois tentos anotados pelos visitantes em cobranças de faltas. O primeiro deles foi do ala canhoto: aos 20 minutos do primeiro tempo, ele bateu a infração da intermediária e contou com toque na trave antes de a bola entrar.


Volante - Eurico (Velo Clube):
O Galo Vermelho pode até ter perdido a liderança para o Desportivo Brasil, mas segue invicto e com ótima pontuação - 14 pontos em seis jogos. Na sexta-feira, tomou certa pressão do Barretos, mas, com forte sistema defensivo liderado por Eurico, conseguiu se safara e manter o empate sem gols.


Meia - Romarinho (Comercial):
Em confronto direto, em Palma Travassos, o Leão do Norte chegou à vitória com o gol do armador, aos 22 minutos do segundo tempo. João Marcos fez bela jogada individual e encontrou Romarinho, que foi às redes, garantindo vitais três pontos para a equipe comercialina no Paulista A3.


Meia - Alex Nemetz (Desportivo Brasil):
O Dragão Chinês conquistou uma vitória histórica: perdia até os 49 minutos do segundo tempo, quando Marcelo Campanholo fez 2 a 2. O que já parecia bom ficou ainda melhor quando, aos 51, Alex Nemetz brilhou e confirmou a virada. O meio-campista aproveitou falha de marcação e finalizou na saída do goleiro Jeferson.


Meia - Diego Souza (Taboão da Serra):
No ‘jogo dos desesperados’. disputado no Maria Tereza Breda, empate por 1 a 1 entre Olímpia e Taboão da Serra. O Cão Pastor pressionou no começo do segundo tempo e abriu a contagem: aos 19 minutos, Davi ganhou o fundo e cruzou na medida para Diego Souza, de cabeça, completar para o gol. Os visitantes tomariam a igualdade, mas respiram aliviados, fora do Z2.


Atacante - Caio Martins (Monte Azul):
O jogador teve boas oportunidades para marcar, mas apareceu no momento decisivo. Quando o placar estava 2 a 2, o atleta aproveitou falta na entrada da área e anotou mais um belo gol para a equipe visitante, virando o placar, aos 20 da etapa complementar.


Atacante - Robinson (Olímpia):
O Galo Azul se safou de ficar ainda mais afundado na lanterna do Paulista A3 graças à atuação do atacante. Aos 23 do segundo tempo, pouco depois de o Taboão da Serra, adversário direto contra o Z2, abrir o placar, Robson recebeu cruzamento e não conseguiu finalizar porque foi agarrado por Marcelinho; ele bateu o pênalti com tranquilidade, dando o primeiro ponto ao time olimpiense.


Técnico - Simão Freitas (Desportivo Brasil):
O treinador português foi uma grande aposta do Dragão Chinês, apesar do currículo: aos apenas 38 anos, conta com pós-graduação em psicologia no esporte pela Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, em Portugal, e com Licença Profissional da UEFA. Dirigiu o Sub 23 do Shandong Luneng e passou pela base de Porto, Beira Mar, Boavista e Penafiel. Toda essa expertise vem ajudando o representante de Porto Feliz: em seis jogos, quatro vitórias - a última delas, com dois gols nos acréscimos do segundo tempo, sobre o Osasco Audax -, dois empates e liderança da classificação