Seleção FI da Série B tem zaga artilheira e dupla invicta

Destaque para a dupla defensiva formada por Douglas Assis e Bonfim, que marcaram gols na rodada, assim como o lateral-esquerdo

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) - A décima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro terminou no último sábado e mais um vez o Futebol Interior contou com o auxílio de nomes da imprensa de todo Brasil para escalar a Seleção da Rodada. Nesta edição, os times com mais representantes são Ponte Preta, São Bento e Figueirense, cada um com dois.

Destaque para a dupla de zaga formada por Douglas Assis e Bonfim, que marcaram gols na rodada, assim como o lateral-esquerdo Capa. No caso de Assis, também há o destaque por ser jogador do São Bento, time que derrubou o Fortaleza e se tornou o único invicto da Série B, muito pela filosofia de jogo do técnico Paulo Roberto.

Confira a seleção da décima rodada:

Ivan (Ponte Preta);

Lucas Taylor (Boa Esporte), Douglas Assis (São Bento), Bonfim (Juventude) e Capa (Avaí):

Ricardinho (Guarani), Zé Antônio (Figueirense), Gustavo Ferrareis (Figueirense) e Muirlo Henrique (Ponte Preta);

Bruninho (Sampaio Corrêa) e Michael (Goiás).

Técnico: Paulo Roberto Santos (São Bento)

Foto: Jesus Vicente
Foto: Jesus Vicente

Goleiro: Ivan (Ponte Preta)
A Ponte Preta não fez um jogo primoroso e acabou sofrendo com algumas investidas do Brasil, que teve uma postura mais ofensiva até pelo fato de jogar em casa. Mas Ivan estava ligado e fez boas defesas para permitir que a Macaca construísse a vitória por 2 a 0 nos minutos finais.

Lateral-direito: Lucas Taylor (Boa Esporte)
Com um apoio ofensivo muito bom, Lucas Taylor não teve problemas para se lançar ao ataque e deu muito trabalho ao Criciúma. O lateral deu pelo menos dois chutes de muito perigo para o gol adversário e ainda teve atuação segura defensivamente.

Zagueiro: Douglas Assis (São Bento)
Afastou bolas perigosas e foi um dos pilares defensivos para segurar o temido Fortaleza. Por fim, ainda participou bem ofensivamente ao marcar o primeiro gol do São Bento na vitória por 2 a 1 sobre os tricolores, resultado que fez com que o Bentão se tornasse o único invicto da Série B.

Zagueiro: Bonfim (Juventude)
Jogando fora de casa, o Juventude teve que segurar as investidas do Londrina e conseguiu, muito por conta da boa atuação de Bonfim. Mas o zagueiro se destacou mesmo foi lá frente, quando marcou o gol da vitória alviverde.

Lateral-esquerdo: Capa (Avaí)
Apesar de ser criticado por parte da torcida, fez um bom jogo na vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, com muita consistência no apoio, criando boas jogadas de ataque. Além disso, marcou o segundo gol do Avaí após receber um lindo passe de Rômulo.

Ricardinho do Guarani
Ricardinho do Guarani
Volante: Ricardinho (Guarani)
O Guarani amargou um empate no último minuto de jogo por conta de um erro individual, mas o resultado não apaga a grande atuação de Ricardinho. Em uma tarde inspirada, o volante marcou um golaço em belo chute de primeiro de fora da área, sem chances para o goleiro.

Volante: Zé Antônio (Figueirense)
Muitas vezes fazendo o trabalho duro de marcação no meio-campo do Figueirense, Zé Antônio também teve seus momentos de brilho ao abrir o placar do confronto aos 15 minutos em um bom chute de canhota. O jogador se postou bem em campo e também ajudou na criação de jogadas.

Meia: Gustavo Ferrareis (Figueirense)
O meia foi o principal nome do início de jogo embalado do Figueirense e teve papel fundamental na vitória. Ele puxou conta-ataque e deu passe para Renan Mota marcar o segundo gol do time. E, alguns minutos depois, aproveitou vacilo da zaga para bater no cantinho e fazer 3 a 0.

Meia: Murilo Henrique (Ponte Preta)
Mostrou que tem estrela ao entrar no segundo tempo e abrir o placar para a Macaca. Ele entrou aos 34 minutos e precisou de pouco menos minutos dentro de campo para balançar a rede com um chute de fora da área.

Atacante: Bruninho (Sampaio Corrêa)
Bruninho tem jogado um pouco mais recuado no Sampaio Corrêa, mas encontrou seu espaço e mostrou que pode fazer a diferença. Foi assim na vitória por 2 a 0 para cima do Oeste, no último sábado, quando marcou os dois gols do duelo. O jogador correu por dois, criou as melhores oportunidades do time e acabou saindo ovacionado pelos torcedores presentes no Castelão.

Atacante: Michael (Goiás)
Não balançou a rede, mas foi um dos grandes destaques do Goiás. Com muita velocidade e habilidade, participou bastante do jogo e cansou a defesa adversária. Também apareceu para dar o passe que resultou no primeiro gol alviverde, marcado por Alex Silva.

Técnico: Paulo Roberto Santos (São Bento)
No duelo dos invictos, Paulo Roberto saiu-se melhor e sua performance foi determinante para que o São Bento vencesse o Fortaleza e ficasse como o único time invicto de toda a Série B. Em uma competição com grandes equipes regionais, o São Bento surpreende e faz uma bela campanha graças ao trabalho preciso de seu treinador.

 
 
" />