Seleção FI da Série A2 homenageia goleiro Bugrino, tem ataque de 6 gols e zaga sólida

Escalada no 4-3-3, equipe é comandada por Wilson Júnior, técnico do São Bernardo e tem Wallace como camisa 12

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 05 (AFI) - A exemplo das anteriores, a 5ª rodada da primeira fase da Série A2 do Campeonato Paulista proporcionou aos aficionados por futebol jogos disputados, belos gols, lances plásticos, mas não será por isto que ela será lembrada. Na última sexta (02), o Guarani prestou uma bela homenagem à Wallace Ribeiro Barato, jovem goleiro do clube que faleceu após um trágico acidente de carro. A Seleção FI é encabeçada pelo arqueiro, que JAMAIS será esquecido por todos.

No mais, o time vem escalado no 4-3-3, sendo que apenas um dos jogadores de meio de campo tem características defensivas. No banco, Wilson Júnior, técnico da sensação São Bernardo comando o time, que ainda conta com artilheiro do XV de Piracicaba e meia bugrino, autor de um gol predestinado à acontecer no minuto 12.

Guarani prestou homenagem à Wallace na partida diante do Batatais
Guarani prestou homenagem à Wallace na partida diante do Batatais

_______________________________________________________________________________________________________________

Wallace (Guarani);
Edvan (São Bernardo), Dogão (São Bernardo), Luanderson (Rio Claro) e William Cordeiro (Oeste);
Alê (Sertãozinho), Thiago Santos (Nacional) e Rondinelly (Guarani);
Leleco (Sertãozinho), Everton (Xv de Piracicaba) e Kadu Barone (Rio Claro).

Técnico - Wilson Júnior (São Bernardo)

_______________________________________________________________________________________________________________

Goleiro - Wallace (Guarani)
Dono eterno da camisa 12 do Bugre, recentemente aposentada em sua homenagem, Wallace Ribeiro Barato nos deixou no sábado (27), quando sofreu um trágico acidente de carro na Rodovia Bandeirantes (SP 348), na altura de Limeira. Aos 22 anos de idade, o atleta foi sepultado no Cemitério Bom Pastor, no Jardim Zara, em Ribeirão Preto - sua cidade natal. Na última sexta (02), ele recebeu uma linda homenagem no Brinco de Ouro da Princesa, quando a partida foi interrompida, próximo aos 12 minutos, logo após um gol predestinado de Rondinelly. Todos os presentes no estádio deram uma sonora salva de palmas, entre outros, atos direcionados também aos familiares do ex-atleta. Fato é que, esta rodada, e porque não dizer essa edição do estadual, ficaram marcados pela despedida deste jovem jogador.

_______________________________________________________________________________________________________

Lateral-Direito – Edvan (São Bernardo)
Bom na recomposição defensiva, Edvan foi determinante a vitória do Berno no clássico do ABC. Seguro e bom passador, o lateral deu duas assistências para gol. Aos 23 da etapa complementar, ele bateu escanteio com perfeição para Dogão fazer de cabeça. Aos 39, ele mostrou estar bem fisicamente e correu o campo de ataque todo para cruzar na segunda trave para Fernando Júnior marcar.

_______________________________________________________________________________________________________

Zagueiro – Dogão (São Bernardo)
Firme na marcação e soberano no alto, Dogão – deixa claro no apelido o tipo de zagueiro que é: xerifão. Contra o Água Santa, além de ser perfeito em sua principal função, deixou sua marca ao marcar o terceiro gol. Aos 23, ele subiu mais que todo mundo e testou firme boa cobrança de escanteio que veio da direita.

_______________________________________________________________________________________________________

Zagueiro - Luanderson (Rio Claro)
A defesa do Rio Claro tem sido um dos pontos fortes do time no estadual e Luanderson, tem sido parte importante do quarteto armado por Fahel Júnior. Diante do Audax, o defensor ganhou praticamente todas as bolas áreas, tendo antecipado cinco bolas, que se transformariam em chances claras de gol, caso tivessem chegado aos atacantes adversários.

______________________________________________________________________________________________________

Lateral-esquerdo - William Cordeiro (Oeste)
O Rubrão vem dando as cartas na Série A2 do Campeonato Paulista. Nesta rodada, o time de Roberto Cavalo passeou no Canindé, batendo a Portuguesa por expressivos 3 a 0. William Cordeiro foi um dos destaques, compondo bem o sistema defensivo que passou ileso ao ataque da Lusa. Ofensivamente, foi bem quando acionado.

______________________________________________________________________________________________________

Everton marcou os três gols na vitória do XV de Piracicaba
Everton marcou os três gols na vitória do XV de Piracicaba

Volante - Alê (Sertãozinho)
O capitão do Touro dos Canaviais foi bem mais uma vez, passando segurança para a defesa do time comandado por Ruy Scarpino. Posicionado a frente da defesa, o volante da total suporte aos dois zagueiros, cobrindo, inclusive, as subidas dos dois laterais, principalmente de Gil Mineiro, que costuma avançar bem pela direita.

_______________________________________________________________________________________________________________

Meia - Thiago Santos (Nacional)
A vitória do Naça foi a maior goleada do campeonato até aqui. Mostrando uma vontade não vista nas outras partidas, o time de Betinho beirou a perfeição no 6 a 1 diante do Taubaté, que resultou, inclusive, na demissão de Alberto Félix. Quanto ao meia, foi participativo na marcação e criativo no ataque. Aos 40 da etapa inicial, marcou o segundo do Nacional, ao completar de cabeça bola alçada na área.

______________________________________________________________________________________________________

Meia - Rondinelly (Guarani)
Com passagens por gigantes do futebol brasileiro como Grêmio e Palmeiras, Rondinelly demonstra estar reencontrando o seu futebol com a camisa do Bugre. Diante do Batatais, o meia se destacou novamente na armação das jogadas, além de deixar outra vez sua marca. Neste confronto, ele marcou um gol que entrou para história. No minuto 12 haveria uma homenagem para Wallace, atleta do clube que morreu em um trágico acidente de carro. Contudo, o ato foi adiado por um gol do meia, que completou cruzamento feito por Lenon.

______________________________________________________________________________________________________

Atacante - Leleco (Sertãozinho)
Mantendo boa regularidade ao longo do estadual, o atacante tem se destacado por sua velocidade e boa finalização. Na vitória fora de casa diante do Juventus, o camisa 11 foi responsável pelos dois gols da vitória do Touro dos Canaviais. O segundo anotado no duelo foi aos 29 minutos do segundo tempo, quando Leleco recebeu em velocidade, escapou da falta, cortou o goleiro André Dias e deu um bico para o fundo das redes.

_______________________________________________________________________________________________________

Atacante - Everton (XV de Piracicaba)
Em situação incomoda na tabela de classificação, o Nhô Quim respirou com a vitória no clássico diante da Inter de Limeira. O nome do jogo foi Everton, autor dos três gols. Aos 24 do primeiro tempo, o atacante mostrou bom posicionamento e finalização para marcar. No segundo, aos 47 da etapa complementar, o avante foi inteligente para se infiltrar na defesa adversária, dominar e bater rapidamente na saída do goleiro. No terceiro, um minuto depois, ele demonstrou persistência e atenção, para concluir para o gol vazio, após falha de Rafael Pin.

______________________________________________________________________________________________________

Wilson Júnior comanda o São Bernardo na Série A2 do Campeonato Paulista
Wilson Júnior comanda o São Bernardo na Série A2 do Campeonato Paulista

Atacante- Kadu Barone (Rio Claro)
Com a vitória, o time de Fahel Júnior voltou ao G4 da competição. Responsável por marcar o gol que abriu o caminho para a vitória, o camisa 77 fez uma apresentação de gala, demonstrando imensa capacidade no um contra um, além de uma grande visão de jogo. Fora a qualidade técnica acima da média, não pecou no quesito raça, deixando tudo em campo, como se diz no mundo do futebol.

______________________________________________________________________________________________________

Técnico – Wilson Júnior (São Bernardo)
Invicto após cinco rodadas, o treinador montou um time extremamente competitivo que, dificilmente ficará de fora dos quatro que seguem na briga pelo acesso. Na estréia de Toninho Cecílio pelo Água Santa, o Bernô roubou a cena, impondo um futebol veloz e envolvente. Com boas variações táticas e triangulações é evidente que tratasse de uma equipe – muito – bem treinada.