Com técnico invicto há cinco jogos, Seleção FI da 13ª rodada da Série B é formada

Dado Cavalcanti comandará a equipe que tem Alan Mineiro, Braian Samudio, e muitos outros

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) - A 13ª rodada da Série B terminou e o G4 continuou inalterado. Juventude segue na liderança, com Guarani, América Mineiro e Vila Nova na cola. Destaque para o Internacional, que entrou de vez na briga pelo acesso. A zona de rebaixamento também segue a mesma: Luverdense, Figueirense, ABC e Náutico.

A Seleção FI vem no esquema 4-5-1, com apenas Braian Samudio no ataque. O atacante tem feito a diferença a favor do Bugre e não poderia ficar de fora. A braçadeira ficaria com o ex-corintiano Alan Mineiro, grande destaque do Vila Nova.

O escolhido para comandar essa equipe é Dado Cavalcanti, que vem fazendo um grande trabalho no CRB, invicto há cinco rodadas e cada vez mais perto das primeiras colocações.

Confira a Seleção FI da 13ª rodada da Série B:

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Goleiro: Éverson (Ceará)
Realmente é um goleiro acima da média para disputar a Série B. Merece coisa melhor. Mais uma vez ele fez grandes defesas e evitou que o Vovô sofresse mais d que os dois gols que levou do Internacional, dentro do Castelão. Não evitou os gols de William Pottker e Nico López, que desencantaram, porém, fez milagres no segundo tempo quando o Ceará se abriu e deixou o Colorado à vontade para matar o jogo nos contra ataques.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Lateral-direito: Reginaldo (Londrina)
A arrancada do lateral do Londrina aos 33 minutos do primeiro tempo foi digna de encher os olhos dos amantes de grandes jogadas do futebol. Mostrando muita vitalidade, Reginaldo deixou três marcadores para trás e ainda chegou com fôlego para finalizar forte e vencer o goleiro Edson. O jogador foi o grande destaque do LEC na boa vitória sobre o ABC.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Zagueiro: Klaus (Internacional)
O Colorado, como um tudo, foi muito bem no duelo contra o Ceará. Mostrou intensidade, eficiência e força na marcação. Os zagueiros foram muito bem, como Klaus que mostrou velocidade, boa colocação e sendo de cobertura. Tanto que o goleiro Danilo Fernandes não precisou se esforçar muito debaixo da trave.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Zagueiro: Willian Rocha (Guarani)
O sistema defensivo bugrino foi outro com Willian Rocha no lugar do esforçado, porém limitado, Genilson. O Goiás criou algumas boas oportunidades, mas encontrou muitas dificuldades para escapar da forte marcação imposta pelo Bugre. Rocha ainda mostrou que pode ser uma boa arma nas jogadas aéreas, levando perigo em pelo menos duas oportunidades. Merece uma vaga entr os titulares!

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Lateral-esquerdo: Diego Giaretta (Criciúma)
É zagueiro de origem, mas faz tempo que vem atuando na lateral. Sua primeira função no time catarinense é defender. E isso ele fez muito bem nesta terça-feira, tanto que o Paysandu pouco jogou por aquele lado. De quebra, apareceu no ataque e com um pouco de sorte, marcou, de costas, o gol de empate do Criciúma.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Volante: João Afonso (Brasil de Pelotas)
O volante comandou o meio de campo do Brasil de Pelotas na vitória por 3 a 1 sobre o Oeste e ainda apareceu de surpresa no ataque marcando o gol de empate e participando da jogada do gols da virada, anotado por Rafinha.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Volante: Danilo Pires (CRB)
É o motorzinho do meio-campo alagoano. Marca forte e também sai jogando com qualidade, tanto que deu uma linda assistência para Élvis abrir o placar diante do Figueirense. Depois de passagens apagadas por Atlético-MG e Bahia, Danilo Pires parece estar reencontrando o seu bom futebol no CRB.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Meia: Ruy (América-MG)
Ruy foi mais uma história de um jogador iluminado. Diante da forte concorrência do meio-campo do América-MG, o camisa 21 começou no banco de reservas, mas ainda no primeiro tempo entrou no lugar do lesionado Renan Oliveira. Era o dia dele. Aos 42 minutos acertou uma bomba de muito longe que entrou no ângulo de Daniel Luiz. Na segunda etapa, fez mais um, em outra finalização de fora da área.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Meia:

Alan Mineiro (Vila Nova)
O meia foi o grande destaque do Vila Nova na vitória por 3 a 2 sobre o Paraná. Jogador mais perigos do time da casa, o ex-corintiano marcou dois gols e conduziu o Tigre para o resultado que garantiu presença no G4 por mais uma rodada.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Meia: Sergio Mota (Luverdense)
O ex-jogador do São Paulo tem mostrado sua importância para o elenco do Luverdense nesta Série B. Apesar do empate por 2 a 2 com o Santa Cruz, resultado ruim para o time mato-grossense, Sérgio Mota foi o grande nome da partida, anotando os dois gols da equipe da casa.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Atacante: Braian Samudio (Guarani)
Durante a semana, Samúdio revelou que recebeu uma proposta do exterior, mas rejeitou porque quer conquistar o acesso com a camisa do Guarani. E, se depender dele, isso realmente vai acontecer. Quando lhe falta técnica, compensa na raça. E nesta terça-feira não foi diferente. Como Eliandro ainda está machucado, o paraguaio desempenhou a função de centroavante em alguns momentos, sendo o autor do gol da vitória bugrina sobre o Goiás.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Técnico: Dado Cavalcanti (CRB)
Léo Condé plantou a semente, e Dado Cavalcanti está colhendo os frutos no comando do CRB. O time alagoano vem de uma ascensão na Série B e começa a entrar na briga pelo tão sonhado acesso à elite do futebol brasileiro. Já são cinco jogos de invencibilidade, o que deixou o time na sexta colocação, a três pontos do G4. Com o dedo do treinador, o Galo bateu, com uma certa tranquilidade, o Figueirense, que era um dos candidatos ao título antes do início do torneio.