Lasmar diz que situação de Daniel Alves será definida 'até final desta semana'

As declarações foram dadas após reunião com o jogador e com o departamento médico do Paris Saint-Germain

por Agência Estado

São Paulo, SP, 10 - O coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar, e o médico da seleção Rodrigo Lasmar, disseram nesta quinta-feira que vão esperar mais uns dias antes de definir se o lateral-direito Daniel Alves será ou não cortado da Copa do Mundo.

As declarações foram dadas após reunião com o jogador e com o departamento médico do Paris Saint-Germain que teve quatro horas de duração.

"Acho que nós precisamos de uma avaliação um pouco mais cuidadosa amanhã (sexta-feira). Se precisar, novos exames. A decisão deve sair até o final desta semana, dependendo do resultado do exame clínico e exame de imagem que estamos analisando" afirmou Rodrigo Lasmar em entrevista ao Sportv.

Daniel Alves se lesionou na terça-feira, durante o triunfo do Paris Saint-Germain por 2 a 0 sobre o Les Herbiers, na decisão da Copa da França. Em dividida com um adversário, o jogador sentiu o joelho direito e precisou ser substituído.

E AGORA?
Edu Gaspar falou sobre a expectativa de Daniel Alves. "Conversamos com ele. Está bem, entendendo a situação. A gente está dando a devida importância para que o doutor (Lasmar) tenha devida segurança para que possa tomar a decisão. Ele está entendendo, assim como nós também", afirmou.

Daniel Alves é dúvida para a Copa do Mundo
Daniel Alves é dúvida para a Copa do Mundo
Ao confirmar a lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito de Daniel Alves, o PSG ressaltou a possibilidade de o jogador ser submetido a cirurgia. Exames realizados após o confronto apontaram a desinserção no ligamento do joelho do jogador e a necessidade de pelo menos três semanas de afastamento. A princípio, porém, a expectativa era de que o jogador não fosse operado antes do Mundial, o que aumentaria suas chances de ir à Copa.

Longe dos microfones, nos bastidores a situação é encarada pela CBF com alto grau de incerteza. "Estamos virando e revirando os exames para chegar a uma decisão", afirmou ao Estado uma fonte próxima à equipe médica, que não vai antecipar um diagnóstico oficial até que se tenha um resultado definitivo.

COPA PRÓXIMA!

A seleção brasileira estreia na Copa do Mundo diante da Suíça, em 17 de junho, em Rostov. Para a posição de Daniel Alves, Tite tem observado como possíveis opções ao titular do setor Danilo, do Manchester City, Rafinha, do Bayern de Munique, e Fagner, do Corinthians. Este último, entretanto, está afastado dos treinamentos da equipe paulista por tentar se recuperar de uma lesão na coxa direita.

Por causa da lesão, Daniel Alves também corre o risco de ficar fora dos amistosos que o Brasil fará nos dias 3 e 10 de junho, contra Croácia e Áustria, respectivamente, em sua reta final de preparação para a Copa.

O jogador foi titular da lateral direita da seleção nos Mundiais de 2010, na África do Sul, e 2014, em solo brasileiro, e vinha sendo considerado nome certo na lista de 23 convocados que Tite anunciará às 14 horas de segunda-feira, na sede da CBF, no Rio.

 
 
" />