Seleção FI tem meio de campo de respeito e base do 'campeão brasileiro'

Pablo, Guilherme Arana fazem companhia a Robinho e Thiago Neves

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 13 (AFI) - Como de costume a Seleção da Rodada do Futebol Interior abre espaço para os melhores jogadores do Campeonato Brasileiro. Neste final de semana, pela 34ª rodada, os destaques estão no líder e praticamente campeão Corinthians, que venceu sem dificuldades o Avaí por 1 a 0. Robinho e Edigar Junio também fizeram uma batalha interessante dentro da Arena Fonte Nova, com dois gols para cada lado no empate por 2 a 2 entre Atlético-MG e Bahia.

A concorrência no ataque, inclusive, fez com que a Seleção tivesse que ser repensada. Robinho, que já está com 33 anos e muito mais experiente, teve que ser recuado para a posição de meia, criando e armando as jogadas para o trio: Edigar Junio, Deyverson, do Palmeiras, e Diego Rosa, do Atlético-GO. Todos eles marcaram dois gols cada e sobraram categoria para estarem entre os melhores da rodada.

CONFIRA A SELEÇÃO DA RODADA FUTEBOL INTERIOR:

Weverton (Atlético-PR);
Apodi (Chapecoense), Pedro Geromel (Grêmio), Pablo (Corinthians) e Guilherme Arana (Corinthians);
Thiago Neves (Cruzeiro), Jean (Vasco) e Robinho (Atlético-MG);
Deyverson (Palmeiras), Diego Rosa (Atlético-GO) e Edigar Junio (Bahia).
Técnico: Fábio Carille (Corinthians).

__________________________________________________________________________________

Goleiro: Weverton (Atlético-PR)

Em uma rodada em que os goleiros pouco brilharam no campeonato a bola fica com Weverton, que mostrou segurança para garantir a vitória do Atlético-PR por 1 a 0 em cima do Botafogo. Se do outro lado seu companheiro de posição, Gatito Fernandes, deixou passar uma falha grotesca, o campeão olímpico pouco foi exigido e estava sempre bem posicionado para assegurar o placar.

__________________________________________________________________________________

Lateral: Apodi (Chapecoense)

Apodi saiu de campo ovacionado após a vitória da Chapecoense por 2 a 0 diante do Santos. O jogador é o foguetinho do time e foi o responsável pelas melhores jogadas da equipe pelos lados de campo. Além de contribuir e muito pela forte marcação imposta por Gilson Kleina. Fez grande partida ao lado de Wellington Paulista e Arthur.

__________________________________________________________________________________

Zagueiro: Pedro Geromel (Grêmio)

Mais uma vez saiu de campo como um dos melhores jogadores do Grêmio na partida. Mesmo com o empate por 1 a 1 com o Vitória, Pedro Geromel liderou o setor de defesa gaúcho, foi uma dos maiores ladrões de bola e mostrou segurança contra um ataque veloz do adversário. Merece, há muito tempo, não só a convocação para a Seleção da Rodada do Futebol Interior, mas também para a Seleção Brasileira. Acorda Tite!

__________________________________________________________________________________

Zagueiro: Pablo (Corinthians)

Outro que é figurinha carimbada nas Seleções da Rodada, o zagueiro do Corinthians mais uma vez está entre os melhores jogadores do final de semana. Em um jogo nervoso, que poderia definir o futuro do clube na competição, Pablo mostrou competência defensiva para anular as jogadas do Avaí e ainda apareceu com frequência no ataque para tentar uma bola pelo alto.

__________________________________________________________________________________

Lateral: Guilherme Arana (Corinthians)

Finalmente o jogador voltou a atuar à altura que o torcedor do Corinthians estava acostumado. Uma das maiores revelações recentes do clube, Guilherme Arana teve mais uma atuação a ser exaltada, com a assistência precisa para o gol de Kazim, que decretou a vitória por 1 a 0 contra Avaí. Depois de um início de segundo turno muito ruim ele tem a oportunidade de fechar o campeonato em alta mais uma vez.

__________________________________________________________________________________

Volante: Jean (Vasco)

Em um jogo de muita marcação, Jean teve papel fundamental no meio-campo do Vasco da Gama. Contra o São Paulo, o "cão de guarda" fez oito desarmes e garantiu a segurança para a frágil defesa alvinegra. No segundo tempo, quando o Gigante da Colina se lançou ao ataque em busca do empate e depois da vitória, o volante segurou tudo lá atrás. De quebra, não deixou Hernanes jogar.

__________________________________________________________________________________

Meia: Thiago Neves (Cruzeiro)

Thiago Neves fez uma partida beirando a perfeição diante seu ex-clube. O Cruzeiro só ganhou de 3 a 1 do Fluminense, pela atuação do meia, que fez um gol e ainda deu duas assistencia. Ele parece estar em sua melhor fase na carreira e promete muito para a temporada 2018. Segura a Raposa!

__________________________________________________________________________________

Meia: Robinho (Atlético-MG)

O velho e bom Robinho, revelado pelo Santos, e que inspirou tantos garotos pelo Brasil e pelo Mundo continua dando conta do recado. Depois de amargar até reserva com os ex-técnicos do Galo – Roger Machado e Rogério Micali – agora está de novo comandando o time dentro de campo. Marcou dois gols contra o Bahia, em Salvador. Um deles foi um golaço, quando matou a bola no peito e bateu de primeira, sem deixar ela tocar no chão. Uma pena que um talento tão grande não chegou onde poderia ter chegado. Passou pelo Real Madrid, pelo Manchester City e não aproveitou estas chances como deveria. Tomara não se arrependa no futuro.

__________________________________________________________________________________

Atacante: Deyverson (Palmeiras)

Deyverson fez a sua melhor partida com a camisa do Palmeiras na vitória de 2 a 0 diante do Flamengo. Tudo bem que o jogador contou um pouco com a sorte nos dois gols, mas fez o seu dever de artilheiro. Na primeira, dominou a bola com toda categoria antes de colocar no fundo das redes. Na segunda, mergulhou para fazer mais um.

__________________________________________________________________________________

Atacante: Diego Rosa (Atlético-GO)

Foi o grande nome da vitória sobre o Sport. Reserva na maior parte do Brasileirão, Diego Rosa pouco havia feito na competição, até agora. Contra o Leão da Ilha, entretanto, mostrou poder de decisão e anotou os dois gols da vitória do Dragão. Escapar do rebaixamento já parece quase impossível, mas se mantiver o ritmo pode ganhar vitrine para 2018.

__________________________________________________________________________________

Atacante: Edigar Junio (Bahia)

É, hoje, um dos jogadores mais decisivos do campeonato. Se o Bahia vem em ascensão nos últimos jogos é graças a Edigar Junio, que voltou a balançar as redes, desta vez com dois gols, que decretaram o empate por 2 a 2 com o Atlético-MG na Arena Fonte Nova. Mostra-se o típico centroavante com qualidade, que consegue ganhar as bolas pelo alto e ainda tem categoria para segurar a marcação e fazer o pivô.

__________________________________________________________________________________

Técnico: Fábio Carille (Corinthians)

Merece estar mais uma vez na Seleção da Rodada porque, mesmo com a incrível pressão em cima dele, conseguiu acertar mais uma vez o time do Corinthians, voltou a passar confiança para os jogadores, que estão decidindo os principais jogos nesta reta final. A vitória por 1 a 0 contra o Avaí, apesar de tranquila é também um reflexo dessa melhor do time, que vinha em decrescente no segundo turno. Agora está a uma rodada do título.