Paulistão: Crespo elogia 'coração' dos jogadores do São Paulo para alcançar a final

Técnico elogiou jogadores pelo empenho para chegar à final do Paulistão e pela luta na Copa Libertadores

por Agência Estado

São Paulo, SP, 17 (AFI) - O técnico Hernán Crespo destacou o desempeno e atitude dos jogadores do São Paulo para enfrentarem o tumultuado calendário por causa da pandemia e conquistarem um lugar na decisão do Campeonato Paulista contra o Palmeiras, após a goleada imposta sobre o Mirassol, por 4 a 0, neste domingo, no Morumbi.

"Quero agradecer aos atletas, porque o esforço que eles fizeram durante esses três meses, e nas últimas 48 horas, foi muito grande. São grandes profissionais, que têm um sonho.

E agora temos a possibilidade (de sermos campeões), falta o último passo. O mais importante para mim é isso: agradecer aos atletas", afirmou o treinador, em entrevista coletiva.

HERNÁN CRESPO: ELOGIOS E CRÍTICAS

CRÍTICAS AO CALENDÁRIO
Apesar da melhor campanha do Paulistão e dos 14 jogos de invencibilidade, Crespo voltou a criticar o calendário do futebol brasileiro.

Crespo elogia time e critica calendário
Crespo elogia time e critica calendário
"Simplesmente não é uma opinião, é um fato. Isso aconteceu. Jogamos em menos de 48 horas e não é novo no Paulistão. Vamos trabalhar e depois agradecer aos atletas pelo esforço.

Sem coração, gana, não pode chegar a lugar nenhum. Eles têm muito coração e demonstram em cada jogo, treino. O que os atletas têm feito é empolgante."

AGUARDA DATAS
Como a Federação Paulista (FPF) só vai decidir nesta segunda-feira as datas e os horários, Crespo preferiu não adiantar se poderá usar Daniel Alves e Eder, que se recuperam de lesão.

"Primeiro de tudo, desejo saber quando se joga a final. Preciso saber se vou contar com os machucados. Depois, não tenho tempo hoje de pensar o Palmeiras. Chegamos à final, mas já penso na Libertadores, no Racing."

A FPF vai anunciar nesta segunda-feira às 11 horas. O presidente da entidade, Reinaldo Carneiro Bastos, disse neste domingo à noite, no Programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, que a tendência é que os jogos sejam quinta-feira às 2130 e domingo às 16 horas.