Ídolo de Palmeiras e Cruzeiro é anunciado como técnico sub-20 do São Paulo

Alex já tirou foto como novo comandante do Tricolor e foi elogiado por Muricy Ramalho

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 05 (AFI) - Alex é o novo comandante da equipe Sub-20 são-paulina. O ex-jogador assinou contrato válido por duas temporadas e terá como auxiliar-técnico PC Oliveira, que foi campeão mundial de futsal em 2008 com a Seleção Brasileira. Após anos de estudos na nova função, o craque, multicampeão dentro das quatro linhas, começa nas categorias de base do Tricolor o primeiro desafio na carreira como treinador

O treinador encontrará no Centro de Formação de Atletas Presidente Laudo Natel, em Cotia, uma estrutura referência para a formação de jovens talentos no mundo. Atualmente, a equipe profissional são-paulina tem 13 atletas #MadeInCotia.

VEJA COMO FOI A APRESENTAÇÃO DO EX-CRAQUE

CARTOLA JUSTIFICA
“Temos muito orgulho de oficializar a contratação do Alex, um dos grandes expoentes do futebol brasileiro nos últimos anos. A chegada dele é mais uma ação da gestão para a profissionalização da base e do futebol do São Paulo”, disse o Presidente do clube, Julio Casares.

“Estamos muito felizes pela chegada do Alex. Temos o projeto de formar um treinador em casa com o DNA do São Paulo, um time que faça a torcida ter prazer de ver jogar, e surgiu a ideia do Alex.

Temos certeza de que ele vai ser muito importante no projeto da base e, quem sabe, mais na frente, possa ser técnico do time principal como aconteceu comigo. Acho que foi uma grande escolha e a gente espera bastante do Alex”, completou Muricy Ramalho, coordenador de futebol do São Paulo.

Alex com a camisa do São Paulo
Alex com a camisa do São Paulo
AO TRABALHO!

O novo treinador começa nesta semana o trabalho com a categoria júnior, que tem como primeiro desafio na temporada o Campeonato Brasileiro, previsto para começar no fim de junho. Para se integrar totalmente à nova função e ao clube, Alex terá o CFA como casa e morará no local pelos próximos 60 dias.

“É um privilégio e um prazer ter o Alex conosco. Pensamos em um nome que pudesse vir aqui e ser exemplo para os nossos jogadores, que pudesse trazer algo importante em termos de treinamento e qualidade em campo, e temos certeza de que o Alex será exemplo para os meninos.

Trazemos também o PC Oliveira, que tem uma história muito bacana. Estamos muito felizes por eles terem aceito esse desafio, tomara que os próximos anos sejam de muito aprendizado para nós e para eles e que a gente possa colocar ainda mais jogadores no time principal, que é a nossa expectativa”, completou Marcos Biasotto, diretor-executivo das categorias de base.