Paulistão: São Paulo tem duas novidades e promete mesma força na volta ao Morumbi

O goleiro Tiago Volpi e o atacante Pablo deixam o Tricolor ainda mais forte para enfrentar o Red Bull Bragantino

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 22 (AFI) - Apesar da paralisação de jogos oficiais por quatro meses, algo inédito para o futebol brasileiro, o São Paulo promete manter a mesma ‘pegada’ na sua volta ao Campeonato Paulista, nesta quinta-feira à noite, no Morumbi, diante do Red Bull Bragantino.

Na prática, o time vai ter duas mudanças em relação à vitoria sobre o Santos, por 2 a 1, no dia 14 de março, mas deve ficar mais forte. Tiago Volpi e Pablo estão de volta no esquema 4-3-3 armado por Fernando Diniz.

Pablo volta a ser titular com a saída de Antony
Pablo volta a ser titular com a saída de Antony
FORÇA NO ATAQUE
A principal novidade será mesmo o atacante Pablo, que vai ocupar a vaga deixada pela saída de Antony, vendido para o Ajax, da Holanda. Por coincidência, naquele clássico, Pablo marcou os dois gols depois de sair do banco de reservas.

O goleiro no San-São foi Lucas Perri, porque Tiago Volpi estava machucado. No jogo anterior ele sofreu uma pequena fratura na mão direita, após um choque contra adversário na vitória por 3 a 0 em cima do LDU do Equador pela Copa Libertadores.

PONTUAR AO MÁXIMO
Com 18 pontos, o São Paulo lidera o Grupo C, dois na frente do Mirassol que pega o Água Santa nesta quinta-feira. A comissão técnica quer confirmar a primeira posição nas últimas duas rodadas, além de pontuar ao máximo para jogar com vantagem nas quartas de final.

O último treino antes da retomada aconteceu nesta manhã no CT da Barra Funda. Após o jogo a delegação vai seguir concentrada de forma permanente, como exige o protocolo firmado pela Federação Paulista. A opção da diretoria é se ‘fechar” no CT de Cotia, na região metropolitana de São Paulo.

O SÃO PAULO vai a campo com: Tiago Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Tchê Tchê, Daniel Alves, Igor Gomes; Vitor Bueno, Pablo e Alexandre Pato. Técnico: Fernando Diniz.