Dirigente de gigante argentino quer tirar Daniel Alves do São Paulo

O ex-jogador Verón, hoje presidente do Estudiantes, sonha com a contratação do lateral da Seleção Brasileira

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 24 (AFI) – Hoje presidente do Estudiantes, clube do qual foi ídolo como jogador, o ex-volante Juan Sebastián Verón segue sonhando com contratações de impacto para a equipe argentina.

Depois de trazer Javier Mascherano, que estava no futebol chinês, e Marcos Rojo, do Manchester United, ambos na última janela de transferências, o dirigente agora sonha com um reforço ainda mais complicado.

Em casa devido à quarentena para combater o coronavírus, Verón fez uma live na internet e afirmou que pretende convencer Daniel Alves, hoje no São Paulo, a certar com o clube argentino.

“Vou conversar com Daniel Alves para ver o que ele diz, e se tem vontade de vir”, afirmou o dirigente, ciente de que não seria nada fácil trazer o brasileiro.

Daniel Alves está bem no São Paulo e se tornou o principal líder do elenco de Fernando Diniz, além de ter firmado contrato até o final de 2022. Seria surpreendente ele deixar o Morumbi neste momento.

Por outro lado, Verón garantiu que Mascherano e Rojo seguem na equipe para as próximas temporadas.

“Mascherano está muito contente aqui e esperamos ficar com ele por muito tempo. E Rojo também está bem. Seguramente vai prorrogar seu empréstimo”, afirmou.