Cuca destaca mudança de postura do São Paulo e lamenta vaias da torcida

Torcedores vaiaram o time após o fim do primeiro tempo, quando o Santos vencia por 1 a 0

por Agência Estado

São Paulo, SP, 10 - A vitória do São Paulo por 3 a 2 sobre o Santos, neste sábado, no Morumbi, foi bastante comemorada pelo técnico Cuca, já que o resultado deixa o time mais perto da parte de cima da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Mas o treinador também aproveitou para deixar claro que não concordou com as vaias da torcida no fim do primeiro tempo do clássico, quando a equipe perdia por 1 a 0.

"Foi um jogo contra uma equipe de muita intensidade e de dois times que quiseram jogar. É difícil enfrentar o Santos. Tentamos marcar no ataque e pressionar para eles errarem. O fato é que foi um clássico gostoso de ver com cinco gols. Fomos melhores no segundo tempo e conseguimos uma grande vitória", analisou o comandante.

Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

VAIAS
No fim do primeiro tempo, pouco depois do Santos abrir o placar, parte da torcida são-paulina vaiou o time. Cuca deixou claro que não gostou da atitude e defendeu sua equipe.

"Não merecíamos sair vaiados no primeiro tempo. Quero enaltecer a presença dos torcedores, mas não achei justa a vaia, já que não jogamos mal. Jogamos de igual para igual. Tivemos confiança, junto com a fortuna de jogar o time mais na frente e ter uma saída de bola mais rápida. Concluímos bem e fizemos os gols", justificou o treinador.

Com o resultado deste sábado, o São Paulo chegou aos 24 pontos, oito a menos do que o líder Santos e ainda com um jogo a mais para ser disputado (contra o Athletico-PR). O time volta a campo no dia 18 (domingo), contra o Ceará, no Morumbi. Os laterais Daniel Alves e Juanfran devem estrear nesta partida.