Com Bolívia, CT do São Paulo começa a receber seleções para a Copa América

Brasil, Chile, Peru e Catar também utilizarão o local para treinamentos durante a competição

por Agência Estado

São Paulo, SP, 12 - O CT da Barra Funda, centro de treinamentos do São Paulo na zona oeste da capital paulista, começou a receber desde terça-feira seleções que disputarão a Copa América. A Bolívia, que enfrentará o Brasil na estreia do torneio, já trabalhou na casa tricolor. A abertura da competição será realizada nesta sexta, no estádio do Morumbi.

Enquanto o técnico Cuca ajustava o time em um dos campos do CT para o duelo contra o Atlético-MG, antes do embarque para Belo Horizonte, os bolivianos treinaram no gramado ao lado. A seleção utilizou nos últimos dias o CFA Laudo Natel, centro de treinamentos da base do São Paulo em Cotia (SP).

CT da Barra Funda será casa de algumas seleções durante a Copa América. (Foto: Alexandre Coutinho/saopaulofc.net)
CT da Barra Funda será casa de algumas seleções durante a Copa América. (Foto: Alexandre Coutinho/saopaulofc.net)

Durante a Copa América, que será disputada por 12 equipes entre 14 de junho e 7 de julho, está previsto que outras seleções nacionais utilizem a estrutura do CT como Brasil, Chile, Peru e Catar.

As dependências do CT da Barra Funda têm um terreno de 44.472 metros quadrados. O complexo possui núcleo de reabilitação esportiva, fisioterápica e fisiológica, três campos oficiais, dois minicampos, piscina, campo de areia e quadra poliesportiva.

Na Copa do Mundo de 2014, o local recebeu a seleção dos Estados Unidos, que avançou até as oitavas de final. Já em 2017, a seleção brasileira utilizou o CT durante a preparação para as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.