Hernanes vira 'reserva de luxo' e Everton Felipe perde espaço no São Paulo

Enquanto Cuca vê Hernanes como reserva e já projeta utilizar Vitor Bueno, o meia Everton Felipe tem perdido espaço

por Agência Estado

São Paulo, SP, 08 - A competitividade no elenco do São Paulo está maior. Pelo menos é essa a visão do técnico Cuca, que hoje conta com Hernanes como um "reserva de luxo". Ao ser questionado se o experiente meio-campista ainda precisava melhorar a forma física para assumir a posição de titular, o treinador relembrou que colocou o jogador no decorrer das últimas partidas.

"O Hernanes jogou contra o Flamengo, contra o Goiás, jogou todos os jogos. Ele entra onde ele entrou. Muita gente fala que o Cuca está botando o Hernanes de atacante. Não estou. Quando ele entra, eu mudo o sistema, um meia e três atacantes. Ele é o cara que chega de trás, como ele chegou concluindo as jogadas", afirmou Cuca.

"Estamos melhorando o nível, a competitividade aumenta, há jogadores importantes ainda para entrar e jogar. Esperamos que os que entrem e façam diferença, como o Helinho, que entrou bem, deu passe para gol. Daqui a pouco tem o Vitor Bueno para entrar e jogar. E outros também", acrescentou o treinador.

Hernanes vira 'reserva de luxo' e Everton Felipe perde espaço no São Paulo
Hernanes vira 'reserva de luxo' e Everton Felipe perde espaço no São Paulo
Enquanto Cuca vê Hernanes como reserva e já projeta utilizar Vitor Bueno, o meia Everton Felipe tem perdido espaço. Antes titular com Vagner Mancini, ele ainda não foi utilizado por Cuca nos três jogos do Brasileirão. Na última terça-feira, por exemplo, entrou apenas no segundo tempo do jogo-treino dos reservas contra a equipe sub-20.

Quando Cuca já havia assumido o comando do São Paulo, Everton Felipe foi titular nas duas partidas da final do Campeonato Paulista contra o Corinthians. Atuou os 90 minutos na ida e nem voltou para o segundo tempo na volta.