São Paulo deve ter time todo reserva diante da Ponte, no Paulistão

Um dos poucos que deverá atuar no Moisés Lucarelli é Diego Souza, mas este vem sendo reserva na temporada

por Agência Estado

São Paulo, SP, 07 - O São Paulo terá de esperar até a próxima quarta-feira para definir seu futuro na Copa Libertadores: consegue uma virada épica sobre o Talleres, após a derrota por 2 a 0 na quinta, ou é eliminado precocemente do torneio. Antes, porém, vem o confronto diante da Ponte Preta, sábado, às 19h, em Campinas, pela sexta rodada do Paulistão.

Naturalmente, a tendência é de escalação reserva para a partida do Campeonato Paulista. A exceção deverá ser o volante Hudson. Como foi expulso na Argentina, não poderá jogar na quarta que vem, no Morumbi. Outro que deverá atuar no Moisés Lucarelli é Diego Souza, mas este vem sendo reserva na temporada. Ele entrou apenas no segundo tempo da derrota em Córdoba.

São Paulo deve ter time todo reserva diante da Ponte, no Paulistão
São Paulo deve ter time todo reserva diante da Ponte, no Paulistão
Já os principais nomes do elenco serão poupados pelo técnico André Jardine: Hernanes, que foi para a entrevista coletiva com uma bolsa de gelo na perna, afirmou não ser nada sério. "Ainda estou chegando no auge da minha forma física. Com certeza, quarta que vem, já chegarei bem mais pronto fisicamente", prometeu.

No Paulistão, a situação da equipe é muito mais confortável do que na Libertadores. O clube lidera o Grupo D, com nove pontos. Em seguida, vêm Ituano (7), Oeste (6) e Botafogo (4).

 
 
" />