Raí diz que São Paulo ficou visado e pede reação rápida no Brasileirão

O diretor executivo do clube afirmou que a derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, no Morumbi, acendeu o sinal de alerta

por Agência Estado

São Paulo, SP, 07 (AFI) - Raí, diretor executivo do São Paulo, disse que o time acendeu o sinal de alerta após a derrota por 2 a 0 para o Palmeiras no último sábado, em pleno Morumbi, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, tratou também de dar confiança aos jogadores nessa reta final de competição.

"Temos que fazer uma autocrítica e reagir. Precisamos reagir rápido. O São Paulo ainda está a quatro pontos do líder, o que a gente fez até aqui tem muito mérito, mas tem que saber o momento de fazer autocrítica, análise", comentou.

Na opinião do dirigente, a queda de rendimento tem relação com o maior conhecimento do adversário da maneira que o time tricolor atua. "Uma coisa óbvia é que o São Paulo ficou muito visado. Tivemos vários desfalques também. Junta-se as duas coisas. Os times vêm conhecendo melhor o São Paulo, além dos desfalques. Acho que são os motivos maiores", analisou.

O time tricolor terá a semana livre para treinar e tentar a reabilitação. Ainda faltam dez rodadas para o término do Brasileirão e o próximo jogo é uma disputa direta pela ponta da tabela. No domingo, o São Paulo visitará o Internacional no Beira-Rio. "Temos que deixar essa derrota para trás e nos preparar para vencer o próximo jogo e ver o que vai acontecer", disse o técnico Diego Aguirre.

Para a partida, o treinador provavelmente contará com o meia-atacante Everton nos 90 minutos. Na derrota para o Palmeiras, ele começou no banco de reservas e entrou na etapa final na vaga de Rodrigo Caio, que estava na lateral direita. "Ele não aguentaria o jogo inteiro. Tinha o risco de voltar a lesão e deixamos para o segundo tempo", justificou o treinador.

Everton desfalcou o São Paulo nas duas últimas rodadas (América-MG e Botafogo). Sem demonstrar limitações ou reclamar de dores, ele treinou normalmente durante a semana. A expectativa agora é que já consiga começar entre os titulares.

 
 
" />