Morumbi tem de voltar a ser temido pelos rivais, diz são-paulino Petros

A força do estádio será colocada à prova no confronto de volta contra Rosário Central

por Agência Estado

São Paulo, SP, 13 - O volante Petros afirmou que o Morumbi tem de voltar a ser temido pelos rivais. Essa é a receita para o time do São Paulo conseguir a vaga na próxima fase da Copa Sul-Americana após o empate por 0 a 0 diante do Rosario Central, na Argentina, por 0 a 0. A partida de volta será disputada no dia 9 de maio.

"O Morumbi tem de voltar a ser temido pelos rivais. É a tradição do São Paulo. Vamos mostrar a força da nossa torcida. Os adversários vão perceber como é difícil jogar diante de 60 mil pessoas", afirmou o volante.

O São Paulo se classifica com uma vitória simples; empate com gols dá a vaga ao time argentino e outra igualdade sem gols leva a decisão do time que vai avançar à segunda fase da Sul-Americana para os pênaltis.

Morumbi tem que voltar a fazer a diferença para o São Paulo
Morumbi tem que voltar a fazer a diferença para o São Paulo
EM ALERTA!
Embora o panorama pareça favorável ao time do Morumbi, o retrospecto recente na competição deixa a torcida são-paulina em alerta. No ano passado, a equipe empatou com o modesto Defensa y Justicia por 0 a 0 fora de casa, mas acabou eliminado em casa após igualdade por 1 a 1. A queda foi encarada como um vexame.

"Temos duas semanas importantes e vamos mostrar a força para conquistar a vaga", disse Petros.

O São Paulo volta a campo na segunda-feira, quando vai estrear no Campeonato Brasileiro. O seu rival será o Paraná, em partida marcada para o estádio do Morumbi.

 
 
" />