São Paulo acerta venda de Ademilson para Gamba Osaka-JAP

O brasileiro vive boa fase na equipe, onde balançou as redes dez vezes em 32 jogos

por Agência Estado

São Paulo, SP, 10 - O São Paulo acertou a venda do atacante Ademilson para o Gamba Osaka, do Japão, clube que o jogador já defendia desde o início da temporada. Para ficar com 60% dos direitos econômicos do atleta, os japoneses precisaram desembolsar US$ 3 milhões (R$ 9,6 milhões). Deste montante, cerca de R$ 9 milhões ficam limpos para o São Paulo.

O brasileiro vive boa fase na equipe, onde balançou as redes dez vezes em 32 jogos. Os outros 40% dos direitos do jogador seguem com o clube do Morumbi, que visa lucrar ainda mais em uma possível revenda.

Ademilson deixou o São Paulo no início do ano passado
Ademilson deixou o São Paulo no início do ano passado
A transferência foi comemorada pela direção são-paulina. Isso porque o valor obtido acabou sendo superior ao pago por 100% dos direitos econômicos de Cueva, que custou US$ 2,2 milhões. A chegada do peruano inclusive fora apontada como um dos principais motivos para a saída do diretor Luiz Cunha, que não concordava com a vinda do atleta por crer que o valor era inviável.

Pelo São Paulo, Ademilson fez 114 jogos e 15 gols. Ele deixou a capital paulista no início de 2015, quando foi jogar por empréstimo no Yokohama Marinos. Marcou oito gols no Campeonato Japonês e foi novamente emprestado, desta vez para o Gamba Osaka. O time brasileiro foi remunerado pelas duas transações.

Mercado da Bola
Contratações
Não houve contratações no período
  • Cícero

    Meia (ex-Fluminense)

  • Neilton

    Atacante (ex-Botafogo-RJ)

  • Rogério Ceni

    Técnico

  • Sidão

    Goleiro (ex-Botafogo-RJ)

  • Wellington Nem

    Atacante (ex-Shakhtar Donetsk-UCR)

São Paulo-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Denis, Renan Ribeiro, Sidão

  • Laterais

    Buffarini, Bruno, Foguete e Junior Tavares

  • Zagueiros

    Maicon, Rodrigo Caio, Lugano, Breno, Douglas e Lucão

  • Volantes

    João Schmidt, Wesley, Thiago Mendes, Wellington e Araruna

  • Meias

    Cueva, Cícero, Lucas Fernandes e Shaylon

  • Atacantes

    Chavez, Gilberto, Wellington Nem, Neilton e Luiz Araújo

  • Técnico

    Rogério Ceni