Imprensa mundial e até Fifa se rendem a Rogério Ceni; CBF "ignora"

O fato lamentável fica para a CBF que não deu uma linha sequer sobre o feito histórico

por Agência Futebol Interior

Até a Fifa se rendeu a Rogério. Já a dona CBF...

São Paulo, SP, 28 (AFI) – Rogério Ceni pode não ter sido o melhor goleiro da história. Pode não ser unanimidade. Pode até ser um dos jogadores mais odiados pelos torcedores brasileiros (com exceção dos são-paulinos, é lógico). No entanto, o capitão e ídolo tricolor já está na história, após marcar seu centésimo gol na vitória sobre o Corinthians, neste domingo, por 2 a 1. Fato que teve grande repercussão pelo mundo.

A marca atingida por Rogério Ceni foi até mesmo destacada no site oficial da Fifa. Com a manchete em português “O dia é dele”, a entidade máxima do futebol ressaltou o feito, lembrando que dois dos 98 gols foram marcados em jogos não-oficiais. O fato lamentável fica para a CBF que não deu uma linha sequer sobre o acontecimento.

Os argentinos também mostraram espírito esportivo e destacaram o arqueiro são-paulino. O Olé fez um trocadilho com o nome do atleta: “És Rogério Cieni”. “Cien” é a tradução do número 100 para a língua espanhola.

O Portal Futebol Interior traz uma seleção de jornais dos principais países do mundo da bola. Tem representantes de Portugal, Espanha, Itália, França, Inglaterra e Alemanha. Clique em galeria de fotos e confira!