Paulista A2: Apresentado, Márcio Bittencourt quer reconquistar a torcida do São José

Treinador terá a missão de levar o São José à elite estadual

por Agência Futebol Interior

São José dos Campos, SP, 13 (AFI) - A diretoria do São José apresentou o técnico Márcio Bittencourt (foto) para a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista. A primeira missão do treinador é reconquistar o torcedor e levá-lo ao estádio na briga pelo acesso.

“É um desafio grande e tenho certeza de que conseguiremos montar uma equipe forte e competitiva para trazer de volta aos campos o torcedor fanático que eu bem conheço e quero ter ao meu lado nessa campanha em busca do acesso”, disse ele ao site Grande Área.

A vitoriosa carreira do novo comandante, que até hoje tem o melhor aproveitamento a frente do Corinthians em campanha que culminou com o título nacional em 2005, é um dos trunfos da Águia do Vale para a busca pelo acesso à elite do futebol paulista depois de bater na trave em 2009, 2010 e 2011. A expectativa é de que na temporada de 2013 o sonho do regresso se concretize.

Já integrado ao clube o treinador, que nunca se afastou da cidade, tomou conhecimento da estrutura e passou a avaliar as necessidades de contratação uma vez que o elenco para 2013 deve ser montado em tempo de iniciar a pré-temporada já em dezembro.

Natural de São José dos Campos - interior de São Paulo -, Márcio Bittencourt ainda é o responsável pela melhor campanha do Corinthians no Brasileirão. Em 2005, ele alcançou a expressiva marca de 72% de aproveitamento. Em 2007, Márcio Bittencourt foi campeão da Copa Paulista pelo Juventus e, em 2008, ficou com o vice-campeonato do Título do Interior do Paulistão com o Noroeste.

Mais de Márcio Bittencourt:
Ao longo de sua carreira vitoriosa, Márcio Bittencourt construiu seu nome. Como volante foi campeão Brasileiro pelo Corinthians em 1990, além de ter conquistado Estaduais com o Timão e Internacional. No Colorado gaúcho ainda levantou a taça da Copa do Brasil.

Ainda como volante, Márcio Bittencourt chegou a Seleção Brasileira. Ao encerrar a carreira de jogador, virou técnico de prestígio. Antes de comandar seus times, fez estágios com importantes técnicos do Brasil.

O primeiro estágio de Márcio foi com o técnico Geninho, em 2003. No mesmo ano ele ainda foi auxiliar técnico de Junior e Juninho Fonseca. Em 2004, o ex-volante ainda trabalhou com Osvaldo de Oliveira e Tite. No ano seguinte foi auxiliar de Daniel Passarella no Corinthians. Por fim, em 2006, ele fez um curso/estágio com Vanderlei Luxemburgo no Santos.

aaa