Copa Paulista: Em boa fase, técnico do São Caetano elenca motivos de sucesso defesivo

O Azulão está a apenas um jogo de igualar marca defensiva histórica no torneio regional

por Agência Futebol Interior

São Caetano do Sul, SP, 08 (AFI) - Líder do grupo 10 da terceira fase da Copa Paulista, o São Caetano vive um excelente momento defensivo. A equipe não sofre gols há seis jogos, tendo a maior sequência da atual edição e próximo de igualar o recorde histórico do torneio. O técnico Marcelo Vilar credita o sucesso ao equilíbrio e consciência do elenco.

"O time hoje está consciente e equilibrado. Atualmente nós temos uma força defensiva, não só pela forma de jogar, mas também pela qualidade dos seus atletas e pelo entendimento deles de que é necessário jogar assim, então é importante, embora isso por si só não garanta o sucesso", disse.

Para o comandante, parte do sucesso da defesa também se deve ao trabalho especifico nos treinamentos e o esforço de todo o plantel: "Existe um trabalho específico para a defesa. Aqui nós trabalhamos especificamente com os atletas de defesa, mas não adianta o trabalho se o conjunto não fizer. O futebol é colaborativo e é necessário que todos participem", concluiu.

 O São Caetano está a apenas um jogo de igualar marca defensiva histórica na Copa Paulista (Foto: Fabricio Cortinove/AD São Caetano)
O São Caetano está a apenas um jogo de igualar marca defensiva histórica na Copa Paulista (Foto: Fabricio Cortinove/AD São Caetano)
SEQUÊNCIA HISTÓRICA
Os seis jogos sem gols sofridos do São Caetano é a maior sequência da atual edição. Antes, Ferroviária (2ª à 6ª rodada) e Taubaté (8ª à 12ª) ficaram cinco jogos sem sofrer gols.

Batida a marca de 2019, o time do ABC tenta igualar a melhor marca do clube e da história do torneio. O São Caetano joga no próximo sábado (12), contra a Ferroviária, na Arena Fonte Luminosa, às 18h.

CONFIRA AS MAIORES SEQUÊNCIAS DE TIMES SEM SOFRER GOLS NA COPA PAULISTA:
São Bento 2013:
Paulista, Grêmio Osasco, Rio Branco, União Barbarense, Red Bull, Ituano e Paulista
Ferroviária 2016: Rio Claro, Comercial, Matonense, Batatais, Independente, São Carlos e Rio Claro
Rio Claro 2016: Batatais, Ferroviária, Comercial, Independente, São Carlos, Matonense e Batatais
São Caetano 2016: Nacional, Flamengo, Água Santa, Santos, São José FC, Nacional e Flamengo
São Caetano 2018: Bragantino, Água Santa, Taubaté, São Bernardo FC, Santos, Santo André e Bragantino