Em B.O, funcionária revela abuso de ex-técnico do São Bento

O Portal Futebol Interior teve acesso ao documento realizado pela Secretaria de Estado da Segunda Pública

por Agência Futebol Interior

Sorocaba, SP, 04 (AFI) - O Portal Futebol Interior teve acesso ao Boletim de Ocorrência de uma funcionária de um hotel em Sorocaba acusando o técnico Milton Mendes, ex-São Bento, de tentativa de estupro. No documento, ela revela abusos por parte do treinador, que nega o episódio.

Segundo o Boletim de Ocorrência, a funcionária relatou que o treinador insistiu em dar um bilhete com o número do telefone e um pedido para sair. Ela ainda colocou no documento que Milton Mendes a abraçou à força e esfregou as partes genitais em seu corpo, a roubando um beijo.

A funcionário do hotel onde Milton Mendes ficou hospedado declarou também que não tem o menor interesse no dinheiro do ex-técnico do São Bento e que foi aconselhada a pensar duas vezes antes de fazer tal denúncia.

Milton Mendes, quando ainda comandava o São Bento
Milton Mendes, quando ainda comandava o São Bento

VERSÃO DE MILTON MENDES
O treinador falou sobre o caso logo após o empate por 1 a 1 diante do Criciúma, no último sábado. Milton Mendes negou qualquer tipo de abuso de sua parte e tratou a versão da funcionária como 'irresponsável'. Ele ainda deixou claro que irá até as últimas instâncias para provar sua inocência.

"Existe sempre os dois lados. Não pode só ouvir uma pessoa falando. No Brasil, humilham as pessoas perante ao público. Não vou ficar calado. Vou até o fim. Estou aborrecido. Tenho mulher, filho. Irresponsável falar uma coisa dessas. Totalmente lamentável. O que importa é minha família. Eles acreditam em mim. Não vou deixar de lutar até últimas consequências. Verdade vem à toa", falou o treinador, em coletiva de imprensa.

Milton Mendes tem 54 anos e dirigiu equipes como Paraná, Ferroviária, Athletico Paranaense, Santa Cruz, Vasco da Gama, Sport e São Bento, além de uma rápida passagem pelo futebol japonês.