Por Daniel, São Bento pede fim da violência e garante permanência na Série B

O Bentão fez uma grande partida e derrotou o Coritiba por 5 a 2 na última terça-feira

por Agência Futebol Interior

Sorocaba, SP, 07 (AFI) – O São Bento passou por maus bocados nas últimas semanas. Denunciado por rivais da Série B por escalação irregular, o time sorocabano teve que conviver também com o falecimento de um de seus jogadores. O meia Daniel foi brutalmente assassinado e abalou muitos companheiros de equipe, que entraram em campo na boa vitória por 5 a 2 para cima do Coritiba pedindo o fim da violência.

Os jogadores levaram para dentro de campo uma faixa em homenagem ao ex-jogador Daniel, assassinado por ‘Juninho Riqueza’, que será indiciado por homicídio qualificado. Apenas um passo em busca da justiça. “Jogadores por você, Daniel”, dizia a faixa.

Jogadores do São Bento prestaram homenagem a Daniel
Jogadores do São Bento prestaram homenagem a Daniel
Dentro de campo, o São Bento incorporou esse espírito e se garantiu matematicamente na Série B com uma bela vitória para cima do Coritiba. Um dos destaques da partida, o atacante Francis comemorou o resultado desta última terça-feira.

“Não tinha feito gol dentro do CIC. Fico feliz de ter marcado e ajudado ao clube conquistar essa pontuação que o manteve na Série B em seu primeiro ano dentro da divisão. Agora é seguir trabalhando para terminar bem a competição”, afirmou Francis.

O São Bento volta a campo apenas no sábado, às 19h30, diante do Sampaio Corrêa, no Castelão, em São Luis.

 
 
" />