Série B: São Bento segue se preparando para jogo com o Londrina

O time comandado por Marquinhos Santos, vem trabalhando forte desde segunda-feira e treinou nesta terça-feira

por Rivail Oliveira

Sorocaba, SP, 09 (AFI) - Motivado pela vitória contra o Guarani no último final de semana em Sorocaba por 1 a 0, que levou o time a 39 pontos, na 14ª colocação da Série B do Campeonato Brasileiro, o São Bento vem se preparando para a partida contra o Londrina, marcada para a ex-capital do Café, no próximo sáb ado, 21h, que encerra a 31ª rodada.

O time comandado por Marquinhos Santos, vem trabalhando forte desde segunda-feira e treinou nesta terça-feira no CIC; trabalha quarta e quinta no CT Fazenda Ipê, do Atlético Sorocaba, e viaja na sexta-feira para a Londrina onde fica concentrado para o jogo. Para esse jogo, o treinador não terá o zagueiro Éwerton Páscoa, expulso diante do bugre. Luizão deve ocupar seu lugar, embora, João Paulo seja outra opção para fazer dupla com Anderson Sales.

PROVÁVEL EQUIPE, DESFALQUES E RETORNOS
O atacante Francis foi poupado do treino deste meio de semana, mas a principio deve ter condições de jogo pois segundo o DM azul, não foi constatada nenhuma lesão. Outro centroavante, Ronaldo, retorna de lesão e está à disposição de Marquinhos Santos e disputa posição com Gabriel Vasconcelos. Diogo Oliveira entrou bem contra o Guarani, mas a tendência é que Zezinho siga como titular.

Nesta terça-feira quem falou para a imprensa foi a "muralha azul",o goleiro Rodrigo Viana, que exaltou a grande vitória contra o Guarani, assim com a atitude do zagueiro Éwerton Páscoa, que evitou o gol do Guarani, e a derrota, mesmo sendo expulso, e sendo substituído por Luizão, que de forma épica fez o gol da vitória beneditina logo em seguida.

O goleiro falou ainda de seu futuro e disse que o foco é o Brasileiro e a busca para o time chegar aos 46 pontos e ficar livre do risco de rebaixamento. Só depois vai pensar no futuro, destacando que o fim do contrato do guarda-metas termina no fim do ano, e o nome do jogador é alvo, não é de hoje de sondagens por vários clubes.

Jesus Vicente
TERCEIRIZAÇÃO DO CIC
Foi retirado nesta terça-feira, para pedido de vistas dos vereadores de Sorocaba, o projeto da prefeitura que fixa a terceirização do Estádio Walter Ribeiro para a iniciativa privada. O projeto dividiu os legisladores locais, e mais emendas foram apresentadas. Por conta disso, o projeto foi retirado e deverá ser marcada uma audiência pública entre os vereadores com o secretário de Esportes de Sorocaba, Simei Lamarca que vai explicar aos legisladores o motivo do projeto que passa o estádio para a iniciativa privada.

Com quarenta anos de vida, o Centro de Integração Comunitário (CIC), Estádio Jornalista Walter Ribeiro é hoje palco dos jogos do Esporte Clube São Bento e já recebeu partidas do Clube Atlético Sorocaba (atualmente inativo), além de alguns jogos do futebol amador de Sorocaba. Sua capacidade atual é de 13.722 torcedores. E foi inaugurado dia 14 de outubro de 1978 com o jogo entre São Bento x São Paulo, com vitória tricolor por 1 a 0, com gol de Edu Bala, aos 36 minutos do primeiro tempo num chute que venceu o goleiro sorocabano Ubirajara minutos do primeiro tempo.

O estádio, situado no bairro de Santa Rosália, em Sorocaba, possui quatro setores, arquibancadas superiores e inferiores, cadeiras e arquibancada ferradura, e ainda, com um sistema de iluminação com quatro torres, totalizando 64 refletores. A inauguração da iluminação do estádio,sistema de iluminação artificial de alto nível, sofisticada e moderna (para a época), com torres com 16 holofotes, totalizando 64 refletores e lâmpadas com capacidade de 2.000 watts. só ocorreu 13 de maio de 1982, num jogo entre São Bento x Internacional, 2 a 1 para os gaúchos, gols de Roberto, duas vezes e Candinho marcando para o São Bento

PATRONO
O jornalista Walter Ribeiro, patrono do estádio, trabalhava na rádio Cacique AM 1160, e Walter Ribeiro, foi vice-presidente da Associação dos Cronistas Esportivos de Sorocaba e diretor-tesoureiro da Associação Sorocabana de Imprensa.

A homenagem ocorreu em ato administrativo assinado pelo ex–governador de São Paulo, Paulo Egydio Martins, batizou o estádio municipal em homenagem ao jornalista que trabalhou na rádio Vanguarda era destaque no programa “Chute sem Bola”, além de atuar no esportes do Jornal Diário de Sorocaba na coluna “Chute de Bico”. Walter Ribeiro morreu em um acidente automobilístico em 24 de agosto de 1975, três anos antes da inauguração do estádio vitima de acidente automobilístico.

 
 
" />