Presidente do São Bento dispara contra elenco e promete dispensas para Série B

O principal alvo de Márcio Rogério Dias foi o ataque, que não marca gols desde a terceira rodada

por Rivail Oliveira

São Bento, SP, 07 (AFI) - A derrota para Ituano, por 1 a 0, em pleno Walter Ribeiro, na noite da última terça-feira, pela penúltima rodada do Campeonato Paulista, não irritou apenas os torcedores do São Bento. O presidente Márcio Rogério Dias não poupou críticas aos jogadores e prometeu várias dispensas para a Série B do Brasileiro.

O mandatário do Bentão disse não lembrar de ter visto uma partida tão ruim do seu time e revelou ter ficado com vontade de descer ao vestiário no intervalo para cobrar os jogadores. Muitos deles não devem continuar no clube após o Paulistão.

O presidente Márcio Rogério Dias desabafou após mais uma derrota do São Bento
O presidente Márcio Rogério Dias desabafou após mais uma derrota do São Bento
"Fazia muito tempo que o São Bento não jogava absolutamente nada. A vontade que eu tive no intervalo foi de descer no vestiário e cobrar meus atletas. Não fiz isso em respeito ao profissionalismo. Na apresentação quero estar aqui para conversar com os atletas. Vamos pensar, mas vão haver várias dispensas para a Série B", desabafou Márcio Rogério Dias.

PROBLEMA NO ATAQUE!
O setor mais criticado pelo mandatário foi o ataque, que não balança as redes desde a terceira rodada, quando Lúcio Flávio marcou o gol da vitória sobre o Bragantino. Depois, o Bentão fez mais quatro gols, com os laterais Régis Souza e Marcelo Cordeiro, o zagueiro Luizão e o meia Celsinho.

Além disso, o São Bento amarga um jejum de cinco jogos sem marcar gols: derrotas para Corinthians, São Caetano e Ituano - todas por 1 a 0 -, além de empates em 0 a 0 com Botafogo e Red Bull Brasil.

"Não é culpa só do Paulo Roberto Santos (treinador), da diretoria ou da defesa, que é a melhor do Estadual. Temos um ataque que não faz gol desde a terceira rodada. Faz tempo que não acertamos um ataque com êxito e precisamos pensar melhor", finalizou o mandatário.

Livre do rebaixamento, o São Bento está na terceira colocação do Grupo C, com 14 pontos.

 
 
" />