"Canhão da Vila", Pepe é internado com Covid-19 aos 85 anos

O Santos destacou que o quadro é leve e que o ex-jogador está bem

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 13 (AFI) - Um dos maiores nomes da história do Santos, o ex-ponta-esquerda Pepe, de 85 anos, foi diagnosticado com Covid-19. Apesar do quadro ser leve, o "Canhão da Vila" está internado na Beneficiência Portuguesa, em São Paulo.

A informação foi passada pelo clube da Baixada Santista através de uma postagem no twitter, no início da noite desta sexta-feira.

"FORÇA, PEPE! O nosso #ÍdoloEterno foi diagnosticado com COVID e está internado na Beneficência Portuguesa, em São Paulo. O quadro é leve e o nosso craque está bem. Desejamos uma pronta recuperação à nossa lenda. Estamos com você, Pepe!", postou o Santos.

Pepe tem 85 anos e foi internado com Covid-19
Pepe tem 85 anos e foi internado com Covid-19
Considerado por muitos como o melhor ponta-esquerda do Brasil, Pepe só atuou no Santos. Em 15 anos, ele disputou mais de 700 partidas e marcou 405 gols, sendo o 2º maior artilheiro da história do Peixe, ficando atrás apenas de Pelé.

No Santos, Pepe acumulou títulos: dois Mundiais, duas Libertadores, seis Brasileiros, quatro Rio-São Paulo e 11 Paulistas. Além disso, o ex-ponta defendeu a Seleção Brasileira, onde foi bicampeão mundial - 1958 e 1962 - sendo reserva de Zagallo.

NO BANCO DE RESERVAS
Como treinador, Pepe passou por inúmeros clubes do futebol brasileiro, como Santos, Paulista, Atlético-MG, Náutico, Inter de Limeira, Fortaleza, São Paulo, Portuguesa, Guarani, Athletico-PR, Coritiba, Criciúma, Portuguesa Santista e Ponte Preta, além de ter comandado a seleção do Peru.

Seus principais títulos como treinador são: Paulistão de 1973 pelo Santos e de 1986 pela Inter de Limeira, Cearense de 1985 pelo Fortaleza, Brasileirão de 1986 pelo São Paulo e Brasileiro da Série B de 1988 pela Inter de Limeira e de 1995 pelo Athletico-PR.