Vice critica presidente do Santos: "Não sabe administrar uma quitanda"

Rollo ainda afirmou que Peres é motivo de chacota por parte do elenco

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 14 (AFI) - O clima dentro do Santos vai de mal a pior. Se não bastasse o corte inesperado de 70% de jogadores e funcionários, o Peixe trava uma briga interna entre os seus dirigentes. O vice Orlando Rollo aproveitou um live do Diário do Peixe para soltar o verbo contra o presidente Carlos Peres.

"Cá entre nós, o (José Carlos) Peres não tem experiência de nada. O Peres, hoje, me desculpem os pequenos comerciantes de quitanda, mas o Peres hoje não sabe administrar uma quitanda, imagina um clube com a grandiosidade do Santos", disparou o vice-presidente.

Rollo ainda afirmou que o mandatário é motivo de chacota por parte do elenco: "Isso vai trazer grande problema futuro para o Santos, não só para o vestiário. O Peres já perdeu o vestiário do Santos faz tempo. Os jogadores não respeitam. Ele é tido como o verdadeiro motivo de chacota. Esse fator do salário veio para agravar um problema que já era ruim. O Santos, futuramente, pode perder esses jogadores na Justiça", concluiu.

Rollo, à esquerda de Peres, ao centro
Rollo, à esquerda de Peres, ao centro
SANTOS
Com o corte salarial, muitos atletas indicaram que pedirão rescisão através da Justiça. O atacante Marinho, irritado com a decisão por parte da diretoria, chegou a mostrar insatisfação através das redes sociais, mas acabou apagando a postagem.

No Paulistão, o Santos vinha na primeira posição do Grupo A, com 15 pontos, atrás de Oeste e Água Santa, com 10. A Ponte Preta tem sete.