Ídolo no Japão, meia é vendido e gera boa grana para o Santos

Como foi o clube formador de Serginho e ainda tinha uma cláusula para vendas futuras, o Peixe faturou cerca de 3 milhões de reais

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 20 (AFI) – Mesmo com o futebol parado em praticamente todo o mundo, o Santos teve uma boa notícia nesta sexta-feira. O meia Serginho, revelado pelo Peixe, foi vendido ao futebol chinês, o que gerou uma renda extra ao time brasileiro.

Serginho estava no Kashima Antlers, do Japão, e foi confirmado pelo Changchun Yatai, da segunda divisão da China.

Por ser o clube formado, além de ter imposto uma cláusula de 20% de direitos em caso de venda futura do jogador, o Santos embolsou algo em torno de 3 milhões de reais com a transação.

Revelado na base do Santos, Serginho passou ainda por Vitória, Santo André e América-MG, todos por empréstimo, até que foi negociado como Kashima Antlers em 2018.

Ele se tornou um ídolo no Japão e conquistou a Liga dos Campeões da Ásia, levando o time a disputar o Mundial de Clubes. Em dois anos, disputou 76 partidas e marcou 31 gols na equipe japonesa.