Contra o Avaí, Santos tenta ficar mais perto da fase de grupos da Libertadores

Embalado por duas vitórias consecutivas, Peixe quer vitória para consolidar terceira posição e vaga direta

por Agência Estado

Santos, SP, 06 - Com 13 pontos a menos do que o Flamengo, líder disparado do Campeonato Brasileiro, o Santos já percebeu que a conquista do título nacional neste ano é um sonho praticamente impossível e agora trata de cumprir uma meta mais realista: classificar-se para a fase de grupos da Copa Libertadores da América.

Para isso, será importante derrotar nesta quarta-feira o lanterna Avaí, na Ressacada, em Florianópolis, a partir das 21 horas.

CONFORTÁVEL

Uma vez que os quatro primeiros colocados do Brasileirão vão diretamente ao estágio de grupos do torneio continental, a posição do Santos é cômoda: o time tem 58 pontos, oito a mais do que o Grêmio, quinto na classificação.

Santos quer manter embalado em cima do lanterna Avaí - Ivan Storti / Santos FC
Santos quer manter embalado em cima do lanterna Avaí

Mas é melhor não se descuidar, pois o time gaúcho está em ascensão e um tropeço na capital catarinense pode permitir uma aproximação perigosa dos gremistas, que jogarão na quinta-feira contra o CSA, em Porto Alegre, com boa chance de conquistar uma vitória.

"Bom seria ser campeão, mas o Flamengo faz algo muito diferente do que se está acostumado a ver. Então vamos brigar até o fim e ver o que é possível. Mas também é interessante chegar à Libertadores, um torneio lindo de se jogar", disse o atacante venezuelano Soteldo, em entrevista coletiva nesta terça-feira.

CASA DA MÃE JOANA?

Embora o Santos vá jogar nesta quarta bem longe da Vila Belmiro, onde é sempre muito forte, o time deverá se sentir à vontade na Ressacada, casa do Avaí.

Além de o adversário ser o pior time do Brasileirão, a equipe alvinegra costuma se dar bem no estádio de Florianópolis. Em seis visitas ao local, sofreu apenas uma derrota, em 2010 (3 a 2). De resto, foram duas vitórias santistas e três empates.

SEM REPETIÇÃO

Apesar da boa atuação no último domingo, dia da goleada por 4 a 1 sobre o Botafogo, na Vila Belmiro, o técnico Jorge Sampaoli deverá fazer uma alteração na equipe santista.

O lateral-esquerdo Felipe Jonatan provavelmente vai jogar no meio de campo, no lugar de Evandro, que teve uma participação apagada no confronto com o rival carioca.

Além disso, o lateral-direito Victor Ferraz, recuperado de um problema físico, deverá voltar à equipe. Caso não seja escalado pelo treinador argentino, Pará ocupará o setor.