Sampaoli diz que Santos 'não jogou' em derrota para o São Paulo

Na tarde do último sábado, o Peixe foi derrotado por 3 a 2 no Morumbi

por Agência Estado

Santos, SP, 11 - O técnico Jorge Sampaoli deixou o estádio do Morumbi preocupado com a má atuação do Santos na derrota por 3 a 2 para o São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. Na visão do treinador, o time alvinegro não conseguiu repetir as boas atuações das últimas rodadas e facilitou a virada para o rival.

"Ganhou quem correu mais e pressionou mais e perdeu quem não jogou. Depois do 3 a 1, a gente foi para o ataque, mas não jogamos bem e não encontramos o nosso jogo", resumiu o comandante santista, em entrevista coletiva no Morumbi.

"Não jogamos a partida que habitualmente jogamos. Tivemos chances claras no primeiro tempo e terminamos ganhando no intervalo. Mas no segundo tempo foram 15 minutos em que jogamos sem encontrar linhas de passes, o jogo coletivo, e fizemos da forma que o São Paulo se sente mais cômodo", completou.

Sampaoli criticou o desempenho do Santos
Sampaoli criticou o desempenho do Santos
MINIMIZOU
Apesar das críticas ao time, Sampaoli reforçou que o Santos não vai jogar bem em todas as partidas e que isso é algo que o torcedor precisa entender.

"Precisamos voltar a entender a nossa maneira de jogar e os nossos limites. Eu não creio que tenhamos a possibilidade de jogar bem em todas as partidas", ponderou.

Embora o Santos tenha perdido o clássico, o time não corre risco de deixar a liderança do Brasileiro. A equipe alvinegra está na ponta da tabela com 32 pontos, enquanto o Palmeiras, segundo colocado, aparece com 28. O time voltará a jogar no dia 18, quando vai visitar o Cruzeiro, no Mineirão.

Mercado da Bola
Santos-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Vanderlei, Everson, John e João Paulo

  • Laterais

    Pará, Felipe Jonatan e Madson

  • Zagueiros

    Luan Peres, Felipe Aguilar, Luiz Felipe, Lucas Veríssimo e Wagner Leonardo

  • Volantes

    Diego Pituca, Alison, Guilherme Nunes e Jobson

  • Meias

    Christian Cueva, Soteldo, Bryan Ruiz, Carlos Sánchez, Jean Mota e Evandro

  • Atacantes

    Tailson, Arthur Gomes, Alexandre Tam, Lucas Venuto, Fernando Uribe, Marinho, Kaio Jorge, Eduardo Sasha, Yuri Alberto e Raniel

  • Técnico

    Jesualdo Ferreira