Em boa fase, Jean Mota lidera assistências e estatísticas no Santos

O meia se tornou o líder em assistências pelo Santos em 2019, com seis passes

por Agência Estado

Santos, SP, 15 - O jejum de gols de Jean Mota chegou ao sétimo jogo na última quinta-feira, quando o time derrotou o Atlético Goianiense por 3 a 0, se classificando à quarta fase da Copa do Brasil, mas o seu desempenho no duelo realizado na Vila Belmiro confirmou a sua importância para o Santos nesta temporada. Afinal, foram do meia os passes para os dois primeiros gols do time, que precisava reverter a desvantagem de ter perdido o duelo de ida por 1 a 0.

Jean Mota era dúvida para o jogo por causa de dores no joelho, mas, recuperado, foi escalado por Jorge Sampaoli. Em campo, aos 44 minutos do primeiro tempo, deu um lindo lançamento para o uruguaio Carlos Sánchez abrir o placar da partida. Depois, no primeiro minuto da etapa final, foi dele o passe para Rodrygo marcar o segundo gol santista.

Com esses dois passes, Jean Mota se tornou o líder em assistências pelo Santos em 2019, com seis. E o meia já era o artilheiro do time nesta temporada, com oito gols, ainda que ele tenha ido às redes pela última vez em 7 de março, na vitória por 4 a 0 sobre o América-RN, pela segunda fase da Copa do Brasil.

Os outros sete gols de Jean Mota pelo Santos foram pelo Paulistão, o que o faz ser um dos quatro artilheiros da competição, ao lado dos atacante Diego Cardoso, do Guarani, Ytalo, do Red Bull Brasil, e Rafael Costa, do Botafogo de Ribeirão Preto.

Em boa fase, Jean Mota lidera assistências e estatísticas no Santos
Em boa fase, Jean Mota lidera assistências e estatísticas no Santos
"Admito que foi uma surpresa alcançar esses números tão rapidamente. Mas tudo isso é fruto do trabalho. Venho buscando melhorar a cada dia para poder ajudar. Há uma semana me perguntaram sobre o jejum de gols, mas sempre deixei claro que meu intuito é ajudar a equipe. E contra o Atlético-GO eu pude fazer isso com as duas assistências. Quero seguir ajudando para que os números do grupo todo sigam crescendo", disse Jean Mota, ao site oficial do Santos.

EM FORMA

Jean Mota também lidera outra estatística no clube. O meia participou de todos os 20 jogos oficiais do time na temporada, tendo sido titular 19 vezes. Além dele, apenas Carlos Sánchez foi aproveitado em todos os compromissos do Santos em 2019, mas tendo saído do banco de reservas em três oportunidades.

Com Jean Mota garantido na formação inicial, o Santos voltará a jogar na quarta-feira, às 19h15, quando receberá o Vasco, na Vila Belmiro, para o duelo de ida da quarta fase da Copa do Brasil. O meia destacou a importância de o time abrir vantagem na série, para atuar em situação mais tranquila na próxima semana em São Januário.

"Será um duelo muito complicado, pois são duas equipes grandes do futebol brasileiro. Teremos a vantagem jogar o primeiro duelo em casa. Na última quinta nos reencontramos com o nosso torcedor na Vila e esperamos que contra o Vasco eles possam estar nos apoiando mais uma vez. Nossa torcida fará muita diferença na busca por uma vantagem na ida, pois sabemos que a partida de volta será difícil", afirmou Jean Mota.