Cuca elogia 'entrega' e 'coletivo' do Santos após vitória em clássico

Para o comadante, o melhor desempenho do Peixe ficou reservado para a etapa final do clássico

por Agência Estado

Santos, SP, 13 - O técnico Cuca não poupou elogios ao time do Santos após a vitória sobre o Corinthians por 1 a 0, na noite deste sábado, no Pacaembu. O treinador se disse satisfeito com a "entrega" e o "coletivo" do time, que dominou a partida válida pela 29ª rodada do Brasileirão.

"[O destaque] É o coletivo. É a solidificação que tem da frente para trás, a entrega, a diminuição de espaço, cada um no seu setor, e eles saem para o jogo com qualidade também. O time está pegando corpo, pegando conjunto. E isso nos dá a expectativa de acabar bem o jogo", declarou o treinador.

Na sua avaliação, a partida foi difícil, apesar de enfrentar um rival quase todo reserva - o Corinthians poupou os titulares para a final da Copa do Brasil, na quarta. "Sabíamos que era um jogo duro, mesmo o Corinthians sem todos os seus titulares. É um time que tem jogadores do mesmo nível, jogadores que às vezes são titulares", comentou.

Cuca elogia 'entrega' e 'coletivo' do Santos após vitória em clássico
Cuca elogia 'entrega' e 'coletivo' do Santos após vitória em clássico
"Demoramos um pouquinho para entender o Corinthians. Eles tiveram no começo possibilidades em contra-ataques. Depois a gente conseguiu ler melhor a partida e tomamos conta do jogo em termos de posse de bola", analisou.

Para Cuca, o melhor desempenho do Santos ficou reservado para a etapa final do clássico. "Fizemos o gol e viemos para o intervalo com o 1 a 0 no placar, o que facilita as coisas para o nosso time. E, no segundo tempo, fomos melhores, mais encorpados, dando poucas possibilidades ao Corinthians e criando três ou quatro chances claras, com Pituca e Sánchez. O importante foi jogar bem e vencer."

BOA FASE
O técnico atribuiu a boa fase da equipe à sequência do trabalho. "É a 14ª partida que faço aqui no Santos. Só tenho elogios. Tivemos dificuldades no início, isso sempre acontece. Tivemos dois ou três tropeços, mas depois a equipe ficou mais firme, segura, com variação de jogadas. Os méritos são todos destes meninos, tem jogado com afinco, profissionalismo. Estão sempre envolvidos com o clube. Isso é muito legal."

Ao bater o rival no Pacaembu, o Santos chegou à terceira vitória consecutiva no Brasileirão. Com 42 pontos, a equipe comandada por Cuca já aparece na sétima colocação, na beira da zona de classificação à próxima Libertadores, após enfrentar dificuldades no início do campeonato e até flertar com a zona de rebaixamento.

 
 
" />