Após semana com corte da seleção e 2º gol pelo Santos, Yuri Alberto ganha elogios

"Yuri tem importância e provou isso. É nosso único centroavante de origem e o usaremos quando precisarmos", afirmou Jair Ventura

por Agência Estado

Santos, SP, 12 - Yuri Alberto precisou de apenas dois minutos em campo para mostrar que a decisão do Santos de não liberá-lo para um período de treinamentos da seleção brasileira sub-20 foi acertada para o clube. Afinal, foi esse tempo que o atacante precisou para marcar o quinto gol do time na vitória por 5 a 1 sobre o Luverdense, na noite de quinta-feira, pela Copa do Brasil, arrancando elogios do técnico Jair Ventura.

"Yuri tem importância e provou isso. É nosso único centroavante de origem e o usaremos quando precisarmos", afirmou o treinador santista, indicando que poderá voltar a aproveitar o jovem atacante em breve, a começar pelo duelo de domingo com o Paraná, na Vila Belmiro, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o Santos vencendo o Luverdense por 4 a 1, Jair sacou Eduardo Sasha e promoveu a entrada de Yuri Alberto aos 38 minutos do segundo tempo. Aos 40, então, mostrou oportunismo para completar cruzamento de Rodrygo e fazer o quinto gol da sua equipe no confronto válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil, na Vila Belmiro.

A seleção sub-20 se apresentou na última segunda-feira para um período de treinos no CT do Corinthians. Os jogadores comandados por Carlos Amadeu trabalham desde então no local e vão encerrar o período com um jogo-treino na próxima segunda contra os profissionais corintianos. Yuri Alberto foi chamado por Amadeu, mas o jogador foi liberado pela comissão técnica após pedido do clube, com o treinador chamando o atacante gremista Tete.

"A não ida do Yuri Alberto foi por um pedido meu. O treinador da seleção me ligou, eu disse que contava com ele, mas eles convocaram mesmo assim. Peço desculpa para a seleção, trabalhei três anos na base da seleção, sei da importância e também ficava chateado com alguns nãos", justificou Jair.

Hoje com apenas 17 anos, Yuri Alberto recebeu suas primeiras chances entre os profissionais do Santos na reta final do Campeonato Brasileiro de 2017. Nesta temporada, atuou cinco vezes, sendo titular em compromissos com o Novorizontino e o São Bento, jogos em que o técnico Jair poupou os titulares. Depois, não foi aproveitado nos 11 jogos seguintes do Santos, embora tenha sido relacionado em oito deles. Agora, então, marcou o seu segundo gol entre os profissionais do Santos.