Santos 2 x 0 São Bento - Com toque de Menino da Vila, Peixe avança

Vitor Bueno foi o grande destaque da partida com dois gols

por Agência Estado

Santos, SP, 16 - Ainda bem, para o Santos, que um novo contrato com Vítor Bueno já está acertado. O jogador de 21 anos está emprestado pelo Botafogo-SP até o meio do ano, mas o clube da Vila Belmiro já tem tudo pronto para mantê-lo. Neste sábado, o meia mostrou novamente que é muito útil. Conduziu o time nos 2 a 0 sobre o São Bento que o levaram à semifinal do Campeonato Paulista.

Em sua terceira partida como titular, Vítor Bueno se destacou pelos gols. No primeiro, mostrou categoria ao chutar com estilo no ângulo de Henao, já aos 8 minutos do primeiro tempo; no segundo, soube se infiltrar por trás dos zagueiros para completar a jogada de Ricardo Oliveira, aos 41 ainda da primeira etapa.

Mas não foi só isso. Mostrou visão de jogo, senso de colocação e participou de quase todas as melhores jogadas do time, sobretudo no primeiro tempo. Merecidamente, o torcedor gritou várias vezes o seu nome.

Vítor Bueno sobressaiu num jogo que o Santos dominou a maior parte do tempo, empolgou a torcida pelas jogadas rápidas e as chances de gol criadas, mas também a irritou por perdê-las em profusão.

Henao, goleiro do São Bento, fez boas defesas. Mas os santistas abusaram do direito de desperdiçar chances. Ainda assim, e apesar de alguns sustos tomados na segunda etapa, quando diminuiu o ritmo e deu campo ao São Bento, o Santos confirmou o favoritismo e agora espera o adversário na semifinal. Vai jogar de novo em casa, por ter a segunda melhor campanha do torneio. Mas talvez precise ser mais efetivo nas conclusões.

SEMPRE NA SEMI
O Santos avançou neste sábado, por sinal, pelo oitavo ano consecutivo às semifinais do Paulistão, no qual defende a condição de atual campeão. A última vez que o time caiu nas quartas de final foi em 2008. De lá para cá, foi vice-campeão em 2009, ficou com a taça em 2010, 2011 e 2012, foi vice em 2013 e 2014, antes de novamente erguer o troféu de vencedor no ano passado.

Já o São Bento teve como consolo o fato de que caiu diante do favorito Santos justamente no primeiro ano após o seu retorno à elite paulista. A tradicional equipe de Sorocaba acabou fazendo um bonito papel depois de ter terminado a primeira fase da competição com 27 pontos, na segunda posição do Grupo A, com a terceira melhor campanha deste estágio de grupos da competição, ficando somente atrás de Corinthians e Santos. O time ainda sonha com uma vaga para a Série D.

Ficha Técnica

Fase
Quartas de Final
Rodada
1ª rodada
Data
16/04/2016
Horário
18h30
Local
Vila Belmiro - Santos (SP)
Árbitro
Vinicius Gonçalves Dias Araujo

Renda
R$ 477.280,00.
Assistentes
Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Patrick André Bardauil

Público
12.051 pagantes
Cartões Amarelos
Santos: David Braz

Gols
Santos: Vitor Bueno 8' 1T, Vitor Bueno 41' 1T
Santos
Vanderlei;
Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca;
Thiago Maia, Renato, Vítor Bueno, Lucas Lima (Rafael Loguine) e Gabriel (Joel);
Ricardo Oliveira (Elano).
Técnico: Dorival Júnior
São Bento
Henal;
Régis, João Paulo, Pitty e Marcelo Cordeiro;
Fábio Bahia, Éder (Diego Clementino), Serginho Catarinense e Clebson (Everton Sena);
Rossi e Edno (Anderson Cavalo)
Técnico: Paulo Roberto Santos
 
 
" />