Morre ex-jogador e técnico que deu vários títulos ao Santos

Aos 81 anos, de infarto. Ele dirigiu os Meninos da Vila em 1978

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 22 (AFI) – O Santos está de luto. Morreu, nesta terça-feira, vítima de um infarto, Chico Formiga, ex-jogador e que como técnico foi campeão paulista de 1978, naquela equipe que ficou conhecida como “Meninos da Vila”. Ele tinha 81 anos e morreu onde morava, num apartamento no bairro de Itararé, perto das 18h40.

Ele já vinha enfrentando sérios problemas de saúda. Fumante inveterado, nos tempos de treinador era visto com o cigarro na boa à beira do campo. Por isso mesmo, chegou a ser internado com efisema pulmonar.

Histórico vitorioso
Como jogador, o quarto-zagueiro Formiga atuou no Cruzeiro, Santos e Palmeiras nas décadas de 40 e 50. Começou na Raposa e se transferiu para o Santos em 1950, onde ficou até 1956. Neste mesmo ano surgia na Vila Belmiro um garoto que se tornaria o maior ídolo do futebol mundial: Pelé.

Como jogador ele foi campeão paulista em duas oportunidades, na verdade, bicampeão em 1955 e 1956. No ano seguinte, ele mudou-se pra o Palmeiras, onde ficou até 1959 e disputou 72 partidas. Curiosamente, depois voltou para o Santos, onde fez parte da Era Pelé, sendo campeão paulista mais três vezes – 1960, 1961 e 1962 e também foi campeão da Copa Libertadores da América, em 1962.

Como técnico
Coube a Chico formiga comandar a primeira geração dos Meninos da Vila, que tinha entre outros os atacantes Juari, Nilton Batata e João Paulo, além de Gilberto Sorrio e os meias Ailton Lira, em fim de carreira, e Pita, em início de carreira.

Mas a sua história de conquistas não se limitou ao Peixe. Foi campeão paulista, em 1981. Aproveitou o momento para dirigir outros clubes de peso, como Cruzeiro e Corinthians. Mas sua casa era mesmo a Vila Belmiro, onde volta no início dos anos 2000 para coordenar os times de base.

Ele participou das revelações de grandes jogadores, como a dupla Robinho e Diego, que levaram o título brasileiro de 2002, sob o comando de Emerson Leão e derrubando o Corinthians.

Fim de vida
Mineiro de Araxá, Formiga (Francisco Ferreira de Aguiar) nasceu em 11 de novembro de 1930. Quando ele voltou para a base do Santos tinha sido convidado pelo então presidente Marcelo Teixeira. Após a mudança de comando do clube, com a vinda de Luis Álvaro de Oliveira, o “velho” Chico Formiga foi demitido. Sua demissão teria o deixado muito abatido, o que era natural para um “senhor” de mais de 70 anos. Coisas da vida.