Jogadores do Santos rebatem provocações de presidente do Grêmio

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 20 (AFI) – O Santos venceu o Grêmio por 3 a 1 na Vila Belmiro e carimbou a vaga paras a final da Copa do Brasil. Porém, o resultado teve um gosto especial para os jogadores alvinegros, que entraram mordidos com as provocações dos dirigentes gaúchos.

Confira:
Fluminense espera acertar com ex-atacante de Cruzeiro e Goiás

O presidente Duda Kroeff havia declarado, após a vitória do Grêmio por 4 a 3 no Olímpico, que os Meninos da Vila viram com quem eles estavam lidando e que não iriam ter facilidade para ficar com a vaga.

“Falar para o presidente do Grêmio que ele já sabe com que está lidando. Menosprezaram, eles falaram muita bobagem”, afirmou o meia Paulo Henrique Ganso após a partida desta quarta-feira.

Mas as críticas foram feitas também para alguns repórteres das rádios de Porto Alegre, que cantaram Elimination depois do jogo de ida. Os jogadores do Peixe tiraram sarro e afirmaram que agora são os gaúchos que vão dançar.

“Provocaram a gente, agora que ganhamos eles viram a nossa força”, afirmou o volante Wesley, que teve o coro reforçado por Robinho. “Falaram que nosso time ia aprender a dançar. O narrador falou que dançaríamos o “elimination””, cutucou.

Com a vaga garantida para a grande final da Copa do Brasil, o Santos vai enfrentar o Vitória. Os locais serão divulgados na tarde desta quinta-feira.