Novo presidente do Santos dispensa zagueiro campeão mundial

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 10 (AFI) - Campeão mundial e da Libertadores pelo São Paulo, em 2005, o zagueiro Fabão também está de saída do Santos. O defensor tem contrato até o final de 2009, mas não permanecerá, por vontade da nova presidência do clube.

"O Fabão não vai ficar. Quanto aos outros jogadores, vamos aguardar o técnico Dorival Júnior para decidir", afirmou Luis Álvaro de Oliveira Ribeira, eleito presidente do Santos no último sábado, após vencer o candidato da situação, Marcelo Teixeira.

Fabão chegou ao Santos no começo do ano passado, mas demorou a se firmar, por causa de uma lesão. Sob comando de Emerson Leão, Márcio Fernandes, Vágner Mancini e Vanderlei Luxemburgo, participou de 68 jogos e marcou apenas três gols.

Mais debandada!
O Santos deve confirmar a saída de outros seis jogadores nos próximos dias. O goleiro Sérgio, os laterais Luizinho, Wagner Diniz e Triguinho, o zagueiro Adaílton e o atacante Jean não agradam a nova diretoria e serão dispensados, assim como o atacante Kléber Pereira, que não renovará seu contrato.

Wagner Diniz deve voltar ao São Paulo, com quem tem contrato até meados de 2011. Já Kléber Pereira pode seguir Vanderlei Luxemburgo e jogar no Atlético-MG. O atacante também teve propostas do Vasco.

Confira:
Dirigente do Santos nega desmanche e promete reforços

 
 
" />