Itamar Schülle sugere liberação da torcida no Arruda na final do Pernambucano

O treinador do Santa Cruz comparou com as situações de praias, restaurantes e mercado

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 03 (AFI) - Itamar Schülle parece viver em outro país. Mesmo diante do aumento de casos do novo coronavírus, o treinador do Santa Cruz sugeriu a presença da torcida no Arruda para o segundo jogo da final do Pernambucano, contra o Salgueiro.

"Eu acho que poderia, com consciência, liberar uma parte do estádio para que possamos ter no Arruda a participação da nossa torcida. Seria lindo fazer uma decisão em casa e ter nosso estádio cheio de gente conosco para a conquista desse campeonato", disse Schülle.

Itamar Schülle sugeriu a liberação da torcida na final do Pernambucano
Itamar Schülle sugeriu a liberação da torcida na final do Pernambucano
Na tentativa de defender o indefensável, o treinador do Santa Cruz citou as presenças das pessoas em mercados, restaurantes e praias. Itamar Schülle, inclusive, revelou estar frequentando alguns desses lugares.

"Se você vai no mercado, tem mais 500, talvez 1.000 pessoas em Recife. Como é que você não libera? Mesmo que não seja a totalidade. Libera pelo menos a metade do estádio, cada um fica a dois metros um do outro. Não pode no estádio? Como é que pode na praia? Como pode em um mercado? Em um restaurante?

Eu fui essa semana e cada pessoa sentava a dois metros um do outro e mesmo assim tinham pessoas juntas. Na praia, têm sempre 10 ou 15 pessoas juntas. Mas no futebol não pode. É a minha opinião. Tem que ter cuidado, mas só no futebol? No mercado não tem cuidado. Na praia não tem cuidado"
, afirmou o treinador.

CASOS!
Até o último domingo, Pernambuco registrava 97.970 casos do novo coronavírus, sendo 6.634 mortes. Vale lembrar que o Brasil é o segundo país mais afetado pela doença, com mais de 2,5 milhões de casos e quase 95 mil mortes.