FPF volta atrás e banca time pernambucano na Copa SP; Punição será no estadual

O Santa Cruz não vai poder disputar o Campeonato Pernambucano Sub 20 de 2019

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 06 (AFI) – A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) mudou o discurso em cima da punição ao Santa Cruz em referente as agressões sofridas pelo árbitro Thiago Nascimento durante a final do estadual Sub 20. A entidade voltou atrás e confirmou a participação da equipe, após conversa com a Federação Paulista de Futebol, na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Thiago Nascimento foi agredido no jogo entre Santa Cruz e Porto
Thiago Nascimento foi agredido no jogo entre Santa Cruz e Porto
Suspeitava-se que os agressores teriam sido membros da comissão técnica do Santa Cruz. No entanto, conforme as investigações, tratavam-se de funcionários terceirizados, o que acabou amenizando a punição ao time coral. Por outro lado, a equipe pernambucana continua fora do Campeonato Pernambucano Sub 20 de 2019, torneio no qual houve a confusão na final vencida pelo Porto.

“O Santa Cruz está confirmado na Copinha. Os agressores foram identificados e não são diretores do clube e sim, pessoas terceirizadas. Mas vai haver sim punição a essa pessoas no âmbito policial e o clube vai responder no Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE). O clube não jogará a próxima edição do Pernambucano sub-20”, explicou o presidente da FPF Evandro Carvalho, ao Superesportes.

Thiago Nascimento e os demais membros da arbitragem foram agredidos já nas dependências da Arena Pernambuco após o triunfo do Porto diante do Santa Cruz. Ele chegou a cair de cara no chão e saiu do estádio direto para o Hospital, onde tratou dos ferimentos.

 
 
" />