Série C: Presidente do Sampaio lamenta vice e critica arbitragem, mas já foca em 2020

Time maranhense deu sinais de que poderia reverter a desvantagem, mas o Náutico ficou com a taça

por Agência Futebol Interior

São Luís, MA, 07 (AFI) - O Sampaio Corrêa não conseguiu reverter o placar de 3 a 1 aplicado pelo Náutico nos Aflitos e perdeu o título da Série C ao não sair de um empate por 2 a 2 no Castelão. Apesar do resultado adverso, o presidente do clube, Sérgio Frota, fez questão de enaltecer a entrega da equipe e o apoio da torcida, mas também aproveitou para criticar a arbtiragem.

“Tentamos coroar essa grande campanha na série C com o título, que seria nossa 4ª conquista nacional. A arbitragem, que nos prejudicou sobremaneira e a falta de sorte nos impediram atingirmos esse objetivo. Mas, deixo meu muito obrigado aos jogadores e à Comissão Técnica, a quem abraço na pessoa desse grande profissional, que é o João Brigatti. E, claro, agradeço ao torcedor Boliviano que fez uma grande festa no Castelão e aplaudiu o time ao fim da partida. Nosso grande objetivo em 2019 foi conquistado, o acesso. Que venha a série B”, declarou.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
PLANEJAMENTO
Com o encerramento da temporada, Frota, a partir de agora, vai se reunir com a diretoria para fechar o ano, tratar questões de liberações e renovações para iniciar o planejamento visando 2020.

“O campeonato acabou, mas o trabalho segue. Ainda precisamos quitar os salários de setembro, além do restante da premiação, e vamos honrar todos os compromissos, apesar de todos os desafios, que são muito”, disse.

“O importante é valorizar esse grupo, que merece todo o reconhecimento, e planejar a próxima temporada para montar uma equipe mais forte ainda. Para isso, precisamos angariar recursos, além dos direitos televisivos, e esse aporte vem através do projeto sócio-torcedor, renda de jogos, merchandising e patrocínio. Vamos à luta”, completou.