Série C: 'Uma das mais apaixonadas do Nordeste', diz goleiro sobre torcida do Sampaio

"Eu entro em campo com muita vontade quando o torcedor está presente e apoiando", afirmou Andrey

por Confederação Brasileira de Futebol (CBF)

São Luís, MA, 11 (AFI) - O Sampaio Corrêa está de volta a Série B. Neste sábado, a Bolívia Querida enfrentou o São José, pelo duelo de volta das quartas da Série C, e venceu por 3 a 2. Em um jogo com todos os ingredientes, Andrey, goleiro maranhense, ao fim da partida, fez uma grande defesa no chute de Karl e garantiu o acesso do Tubarão.

O Castelão recebeu mais de 26 mil torcedores que fizeram um verdadeiro espetáculo nas arquibancadas, com direito a um lindo mosaico. Para o arqueiro carioca, a energia que cada um dos presentes colocaram em suas vozes para empurrar a Bolívia Querida, foi todo o diferencial para a conquista do acesso.

"Outra coisa é essa torcida. Certamente é uma das mais apaixonadas do Nordeste. Eu entro em campo com muita vontade quando o torcedor está presente e apoiando. Eu gosto de comemorar com o povo após as vitórias. O jogo começou dentro do vestiário! Eu acredito em energia e a do vestiário, dos meus companheiros e da torcida que fizeram a gente ganhar o jogo", analisou o goleiro.

Andrey, goleiro do Sampaio Corrêa - Foto: Flickr Oficial do Sampaio Corrêa
Andrey, goleiro do Sampaio Corrêa - Foto: Flickr Oficial do Sampaio Corrêa
MANDANDO BEM
Andrey participou do título da Copa do Nordeste, sendo considerado um dos nomes da final e de toda a competição, foi eleito o melhor jogador da Lampions League. Neste sábado, o arqueiro esteve presente em mais um momento importante na história do time.

"É curioso goleiro receber um prêmio desse. O Sampaio Corrêa tinha um time muito bom. O grupo em geral, os atletas a comissão todos estavam unidos, uma família, um por todos e todos por um. Aí com um bom time, eu individualmente também consegui me destacar", analisou o arqueiro da equipe maranhense.

Foto: Flickr Oficial do Sampaio Corrêa
Foto: Flickr Oficial do Sampaio Corrêa
FOCO NO TÍTULO
Agora o Sampaio Corrêa vira a chave em busca do título da competição. Na semifinal, a Bolívia Querida enfrenta o Confiança, que encontrou duas vezes na primeira fase. Um empate e uma vitória do Sampaio, fora de casa, por 2 a 0. Mas Andrey prefere manter os pés no chão e não se levar pelos resultados anteriores.

"A gente quer ganhar dos caras. Não tem muito o que falar. Não gosto de ficar prevendo o que vai acontecer no jogo. Tem que ganhar lá e ganhar em casa. Vai ser um jogo diferente pois não é da fase de grupos e a classificação para a final está sendo disputada. Quem errar menos vai sair melhor no final", concluiu.