Por pressão, Roraimense para e, enfim, o Brasil fica sem futebol

A medida vem sendo de precaução por conta do coronavírus

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 20 (AFI) - A Federação Roraimense de Futebol resolveu atender o pedido da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e paralisou o estadual por tempo indeterminado. Com isso, os jogos marcados para este sábado, pela última rodada da Primeira Fase, foram adiados, assim como a decisão, que aconteceria na terça.

O Roraimense era o único estadual do futebol brasileiro que ainda não havia paralisado suas atividades. Na última quinta-feira, o Paraense e o Amapaense foram suspensos. A decisão, por pressão da CBF, aliviou todos os envolvidos com o torneio.

O Baré, inclusive, vinha sendo a única agremiação contra a realização dos jogos. O time chegou a não entrar em campo diante do São Raimundo, no Ribeirão. Os demais clubes queriam que o estadual continuasse.

Roraimense enfim foi paralisado
Roraimense enfim foi paralisado

"Forneci (por comunicado) a todas as federações e também ao Xaud, informando que não havia mais, de todas as informações que eu tinha, competição em nenhum canto do país. Ele, pelo que sei, baseado nesta informação, determinou por ele, também, a suspensão de seu campeonato. Não foi uma determinação nossa (da CBF), determinação nunca, porque nós não temos esse direito", disse Walter Feldman, ao SporTV.

Confira como ficou cada Estadual pelo Brasil:

CENTRO-OESTE

Distrito Federal: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Goiás: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Mato Grosso do Sul: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Mato Grosso: Estadual paralisado por tempo indeterminado

NORTE

Acre: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Amazonas: Estadual paralisado inicialmente por 15 dias.

Amapá: Estadual paralisado inicialmente por 15 dias.

Pará: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Rondônia: Estadual paralisado por tempo indeterminado, com nova reavaliação a cada 15 dias.

Roraima: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Tocantins: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

NORDESTE

Alagoas: Estadual paralisado inicialmente por 15 dias.

Bahia: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Ceará: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Maranhão: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Paraíba: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Pernambuco: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Piauí: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Rio Grande do Norte: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Sergipe: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Copa do Nordeste: Paralisada por tempo indeterminado.

SUL

Paraná: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Rio Grande do Sul: Estadual paralisado inicialmente por 15 dias.

Santa Catarina: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

SUDESTE

Espírito Santo: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Minas Gerais: Estadual paralisado por tempo indeterminado.

Rio de Janeiro: Estadual paralisado inicialmente por 15 dias.

São Paulo: Todas as divisões do Campeonato Paulista estão paralisadas por tempo indeterminado.