Libertadores: Na véspera da ida a Madri, River Plate treina com duas formações para final

Gallardo pode manter o time com três zagueiros ou escalar mais um meia, deixando a equipe com mais poder de ataque

por Agência Estado

São Paulo, SP, 04 - Um dia antes do embarque para Madri para a grande final da Libertadores, o River Plate realizou nesta terça-feira um treinamento no Monumental de Núñez. O técnico Marcelo Gallardo esboçou a equipe com duas formações diferentes e ampliou o mistério às vésperas do esperado confronto diante do Boca Juniors, que acontecerá no domingo, no Santiago Bernabéu.

Pelas alternativas testadas nesta terça, Gallardo tem dúvida sobre uma escalação mais defensiva ou ofensiva. Ele pode manter o time com três zagueiros, como fez no empate por 2 a 2 na ida, em La Bombonera, ou escalar mais um meia, deixando a equipe com mais poder de ataque.

Se a opção for por manter o que deu certo na ida, uma vez que uma vitória simples já basta para o River, Martínez Quarta será escalado ao lado de Maidana e Pinola. Caso Gallardo opte pela formação mais ofensiva, Nacho Fernández ganhará o lugar do zagueiro e voltará ao time titular.

Há ainda uma última dúvida na equipe, mas esta por necessidade. Titular na primeira partida, o atacante Borré está suspenso e é desfalque certo para domingo. Seu substituto natural seria o ex-colorado Scocco, que se recupera de lesão e ainda não está na melhor forma. O atacante Rodrigo Mora e o meia Quintero são outros que podem ocupar esta vaga, mas também não estão nas condições físicas ideais.

Com isso, a tendência é que o River seja escalado diante do Boca com: Armani; Martínez Quarta (Nacho Fernández), Maidana e Pinola; Montiel, Palacios, Enzo Pérez, Gonzalo Martínez e Casco; Mora (Scocco ou Quintero) e Lucas Pratto.

Depois do empate na ida, em La Bombonera, River e Boca Juniors deveriam ter decidido o título no último dia 24, no Monumental de Núñez, mas os violentos ataques ao ônibus do Boca impediram a realização do jogo. A Conmebol, então, decidiu tirar a partida de Buenos Aires e levá-la para o Santiago Bernabéu, estádio do Real Madrid.

 
 
" />