Em situação delicada, time da Copa Paulista desliga experiente treinador

"Os resultados para a nova diretoria não estavam alcançando os objetivos", destacou o Rio Claro sobre o trabalho de Edson Vieira

por Agência Futebol Interior

Rio Claro, SP, 19 (AFI) - Em situação delicada no Grupo 8, o Rio Claro confirmou, na tarde desta quarta-feira, que desligou o técnico Edson Vieira. Entre os motivos apresentados, além do momento na Copa Paulista, estão questões políticas.

Em agosto, Dayvid Medeiros foi eleito presidente rioclarista com apoio do então mandatário, Luiz Balbo, tendo mandato até 2023. Agora, ele alegou que os resultados não eram os ideais e a indicação de um comandante vai de cada cartola.

Para a partida diante do Linense, sábado, às 15h, em casa, no Schmidtão, pela última rodada da segunda fase, o Galo Azul será dirigido interinamente pelo auxiliar Wagner Salino.

Edson Vieira, ex-técnico do Rio Claro - Foto: Renan Riggo
Edson Vieira, ex-técnico do Rio Claro - Foto: Renan Riggo
“Estamos em momento de transição da presidência, a escolha de um treinador é algo muito pessoal de cada dirigente. Os resultados para a nova diretoria não estavam alcançando os objetivos, diante disso, o Rio Claro optou por sua troca. Mesmo assim, o clube agradece pelo seu trabalho e empenho", diz a nota do Rio Claro, que soma cinco pontos, o mesmo do Desportivo Brasil e um abaixo do Elefante da Noroeste, enquanto o São Caetano está classificado, com oito.