Mãe de Eliza revela que contou ao neto sobre Bruno: "Ele ficou assustado"

Bruninho tem dez anos e ainda não conhece o pai que está em regime semiaberto e, hoje, defende o Rio Branco, do Acre

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 12 (AFI) - Bruninho, filho de Eliza Samudio e Bruno, já sabe, mesmo que parcialmente, o que o pai fez. Coube a Sônia Silva Moraes, mãe de Eliza, contar ao neto sobre o goleiro, condenado a 22 anos de prisão.

"Sempre falei para ele que na hora que ele quisesse saber a verdade, eu contaria. Ele ficou assustado, porque eu contei que o pai dele matou uma pessoa e havia atentado contra a vida de uma outra, mas que essa outra pessoa estava viva e bem", disse Sônia ao Extra.

"Mas quando ele me fez a pergunta: 'quem era a outra pessoa', eu respondi: 'era você'. Ele ficou se perguntando o por quê, e eu disse que ainda não sabia", completou a avó.

Assustado com o próprio pai. (Foto: Divulgação)
Assustado com o próprio pai. (Foto: Divulgação)
SEM CONTATO!

Bruninho tem dez anos e ainda não conhece o pai. Bruno está em regime semiaberto e, hoje, defende o Rio Branco, do Acre.

"Até hoje ele não manifestou a vontade de conhecer [o goleiro Bruno], mas se ele quiser, eu vou respeitar. Não posso fazer uma escolha por ele. Vou apoiá-lo. Mas hoje o meu neto não quer ter contato com o pai. Afinal de contas, tiraram o bem maior dele, a mãe", ponderou Sônia.