Rio Branco-AC revela ajuda de investidores e fala sobre Bruno: "Custo zero"

O goleiro, em regime semiaberto, retorna ao futebol para a disputa da Série D

por Agência Futebol Interior

Rio Branco, AC, 30 (AFI) - O Rio Branco virou o centro das atenções após anunciar a contratação do goleiro Bruno, ex-Flamengo, preso pelo assassinato da modelo Eliza Samudio. Em contato exclusivo com o Portal Futebol Interior, Valdemar Neto revelou que o atleta está sendo bancado por empresas do Rio de Janeiro e que o custo do clube será praticamente zero, esse, inclusive, foi o principal motivo de sua contratação.

Goleiro Bruno está próximo de voltar a atuar
Goleiro Bruno está próximo de voltar a atuar

"Minha expectativa é ganhar o Estadual, fazer boa campanha no nacional e conquistar o acesso à Série C. Ele é um grande goleiro, sem sombras de dúvidas. Estava disponível no mercado. Não saiu caro para o Rio Branco, pois há empresários patrocinando. Foi um custo muito pequeno e um goleiro muito bom. Foi isso que nos levou a contratá-lo. Para mim está saindo há quase custo zero. Esse foi o principal motivo de o atleta reforçar o Rio Branco", falou o presidente.

Valdemar Neto revelou as empresas que estão bancando o retorno do goleiro Bruno ao futebol brasileiro (você pode ouvir no áudio abaixo). O Portal Futebol Interior tentou saber mais dessas empresas para falar sobre o arqueiro, mas, até o momento, não encontrou informações a respeito delas ou dos jogadores que agenciam.

TIMÃO E MENGÃO
Bruno Fernandes foi revelado no Atlético-MG e passou pelo Corinthians até chegar ao Flamengo, onde viveu o melhor momento da sua carreira, chegando a ser pretendido pelo Milan-ITA.

Condenado em 2013 a 20 anos e 9 meses pelo homicídio de Eliza Samudio, Bruno Fernandes está cumprindo regime semiaberto desde julho de 2019. Desde então, o goleiro fechou com Poços de Caldas-MG e Operário-MT.