Série C: Lateral do Remo projeta decisão contra o Paysandu: 'jogo gigante'

Marlon projetou um jogo muito complicado, mas garantiu que para o Remo só a vitória interessa

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 07 (AFI) - No próximo domingo, o Remo pode conquistar o acesso à Série B de 2021. Para isso, o time azulino precisa vencer o seu maior rival, Paysandu, no clássico Re-Pa, em partida válida pela quinta rodada do quadrangular final da Série C e torcer para que o Londrina não vença o Ypiranga.

'JOGO GIGANTE'

Focado em garantir o acesso com a camisa do clube paraense, o lateral-esquerdo Marlon projetou um jogo muito complicado, mas garantiu que para o Remo só a vitória interessa.

Foto: Samara Miranda / Remo
Foto: Samara Miranda / Remo

"É um jogo gigante, um dos mais importantes da minha carreira, sem dúvidas. Por ser um clássico, o peso e o frio na barriga sempre vai existir, independente do momento de cada um ou a condição na tabela. Acredito que será um jogo pegado, todo mundo querendo ganhar. Vale o acesso pra eles também, então não vamos ter vida fácil. Será um grande jogo, digno da história desse clássico. O torcedor pode esperar o Remo aguerrido, comprometido e com o coração na ponta da chuteira", disse Marlon.

FORÇA TOTAL

Ao ser perguntado sobre possíveis mudanças do treinado Paulo Bonamigo para a partida contra o rival, Marlon preferiu manter segredo, visto que não existem desfalques certos e que alguma mudança seria escolha do técnico.

"Vou manter o segredo nessa. Estamos trabalhando forte e muito concentrados para o jogo e tudo vai depender do como o professor nos instruir no decorrer da semana", disse o lateral.

"Com a camisa do Remo sempre vamos buscar conquistar títulos, colocar troféus na galeria do clube. Claro que o acesso é importante, mas ser campeão da série C também faz parte dos nossos objetivos", finalizou Marlon.