Red Bull Brasil 1 x 0 Portuguesa Santista - Toro Loko volta a vencer e entra no G8

Do outro lado, a Briosa que vinha de cinco jogos sem derrota, pode acabar saindo da zona de classificação

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 03 (AFI) - Em um dos jogos que abriram a 11ª rodada da primeira fase do Paulista A2 no inicio da noite desta segunda-feira (03), Red Bull Brasil e Portuguesa Santista fizeram um jogo bastante aberto no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Melhor para o Toro Loko que fez 1 a 0 no placar e voltou a vencer após dois jogos para entrar no G8.

Com o resultado, o RBB aparece agora na sexta colocação com 14 pontos. A Briosa, por sua vez, tem a mesma pontuação, mas pode acabar saindo do G8 dependendo dos outros resultados da rodada. Essa é apenas a segunda derrota do time praiano na retomada do estadual, a primeira tinha vindo na rodada de estreia. De lá para cá, foram cinco jogos sem derrota.

O duelo foi disputado em Campinas já que o Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, está entregue ao Conmebol, pois o Red Bull Bragantino disputa a Copa Sul-Americana no local na quarta-feira (05).

VEJA OS MELHORES MOMENTOS E O GOL

PRIMEIRO TEMPO
O primeiro tempo foi bem aberto, com as duas equipes se mandando ao ataque e focados em tirar o zero do placar. Tanto que nos primeiros 25 minutos de jogo, ambas as equipes chegaram com perigo duas vezes ao gol adversário.

A melhor delas veio aos 10, quando Maranhão recebeu um lançamento longo, deixou um zagueiro para trás e cruzou na medida para Denner, que tentou o carrinho, mas não conseguir chegar a tempo.

Em um lance parecido, dois minutos depois, foi a vez de Denner receber o lançamento, mas dessa vez ele tentou bater na saída do goleiro, que conseguiu se recuperar e fazer a defesa. A partir daí, o Red Bull Brasil cresceu na partida e aos 35 minutos, tirou o zero do placar.

Depois de uma boa troca de passes, Welliton Júnior deu um cruzamento açucarado para Ramires, que conseguiu escorar para o fundo das redes. Por isso, o primeiro tempo terminou 1 a 0 para o time mandante.

Santista sofreu um gol em Campinas. Foto: Fabricio Neitzke - Agência Briosa
Santista sofreu um gol em Campinas. Foto: Fabricio Neitzke - Agência Briosa
SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, a Portuguesa Santista retornou para o segundo tempo, fazendo pressão na área do adversário. Aos seis minutos, depois de uma cobrança de falta, Compri desviou de cabeça, mas parou em uma bela defesa de Fabrício.

Depois disso, o Red Bull Brasil conseguiu aproveitar os espaços que teve para equilibrar a partida e chegar com perigo por pelo menos três vezes.

Em um desses lances, aos 26 minutos, Iago Teles tabelou com Cristiano, mas quando foi chutar, não conseguiu pegar bem na bola e mandou para fora. Nos minutos finais, a Portuguesa Santista se mandou ao ataque, no tudo ou nada, na busca pelo empate.

Mas, sem sucesso. Por isso, o duelo disputado em Campinas, terminou mesmo com a vitória magra do RBB por 1 a 0.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo na próxima quinta-feira (06) quando será disputada, de forma completa, a 12ª rodada do Paulista A2. Logo às 20h, o Red Bull Brasil visita o Sertãozinho, no Estádio Frederico Dalmaso.

Um pouco mais tarde, às 22h, a Portuguesa Santista recebe o Monte Azul, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos.

Ficha Técnica

Fase
Primeira fase
Rodada
11ª rodada
Data
03/05/2021
Horário
20h00
Local
Brinco de Ouro da Princesa - Campinas (SP)
Árbitro
Fabiano Monteiro dos Santos

Renda
----
Assistentes
Fernando Afonso Gonçalves de Melo e Veridiana Contiliani Bisco

Público
Portões Fechados
Cartões Amarelos
Red Bull Brasil: Ramires
Portuguesa Santista: Dener

Gols
Red Bull Brasil: Ramires 35' 1T
Red Bull Brasil
Fabrício;
Wallisson, Kauan, Jhonatan e Moreira;
Cristiano (Luciano), Elton Júnior (Everton) e Welliton Júnior (Pires);
Teles (Araújo), Bruninho (Venicio) e Ramires.
Técnico: Vinícius Munhoz
Portuguesa Santista
Leandro;
Luis Felipe, França, Borges (Welligton) e Renan;
Vinicios, Gualberto (Alex Guedes) e Léo Costa (Yuri);
Compri (Jean Carlos), Dener e Maranhão (Rodrigo).
Técnico: Axel