Paulista A2: Técnico da Portuguesa revela que quatro jogadores ainda não renovaram

Fernando Marchiori lamentou o longo período sem atividade para os atletas e quer retomada do estadual

por NETLUSA

São Paulo, SP, 02 (AFI) - Em entrevista ao programa Paixão Lusa, da Rádio Trianon, o técnico Fernando Marchiori contou que alguns jogadores ainda não renovaram seus vínculos com a Portuguesa. Na última segunda-feira (01), o treinador rubro-verde afirmou que além do atacante Wallace Lima, que retornou ao Juventude, outros quatro nomes ainda não assinaram a renovação com a equipe.

“Estamos aguardando o posicionamento do lateral direito Léo Pereira, que até agora não confirmou a permanência, não assinou o pré-contrato. O Edson está nessa mesma situação, aguardando o empresário. Raniele e Guilherme Nunes precisam voltar aos seus times de origem, mas já deixamos acertado com a Ferroviária e com o Santos, respectivamente, para que eles terminem a Série A2”, revelou.

Marchiori revela que quatro jogadores ainda não renovaram com a Lusa (Foto: Ronaldo Barreto/NETLUSA)
Marchiori revela que quatro jogadores ainda não renovaram com a Lusa (Foto: Ronaldo Barreto/NETLUSA)
O técnico da Portuguesa ainda falou sobre a possível chegada de reforços. “Com certeza, teremos mais um reforço. Mas, estamos atentos ao mercado caso apareça algo. O quanto antes um atleta puder se incorporar, ele já começa a entender a grandeza do clube e a importância do nosso trabalho. Pode sim chegar um lateral direito”, disse, ao ser questionado sobre uma possível reposição para a saída de Léo Pereira.

FOCO TOTAL
Segundo o comandante, a comissão técnica da Lusa segue tentando manter a forma dos atletas.

“Estamos intensificando as atividades. Nossa comissão coordena as atividades pelo menos duas vezes na semana. Estamos envolvendo todos para ter o mínimo de perda possível. Porém, esse período de 90 dias sem jogos (que chegaremos daqui duas semanas), é muito grande. Tentamos equilibrar o elenco, pois devemos ter partidas a cada 48, 50 horas e a possibilidade de lesão é muito alta”, declarou.

Antes da pausa na Série A2, 12 partidas da primeira fase já haviam sido realizadas, ou seja, faltavam apenas três para a definição do mata-mata. A Rubro-Verde, com 18 pontos, ocupava o oitavo lugar na tabela.