União Barbarense 1 x 2 Portuguesa - Lusa dança o vira, mas segue fora do G8...

Time paulistano conseguiu buscar a virada com gol aos 48

por Agência Futebol Interior

Santa Bárbara D'Oeste, SP, 04 (AFI) - A Portuguesa não quis nem saber da possibilidade do União Barbarense em assumir a liderança da Série A2 do Campeonato Paulista e conquistou a segunda vitória seguida jogando fora de casa. Na noite desta sexta-feira, na abertura da 11ª rodada, a Lusa dançou o vira contra a Barbarense e venceu por 2 a 1, no Estádio Antônio Ribeiro Lins Guimarães, em Santa Bárbara D'Oeste.

Apesar do bom resultado, a Portuguesa segue longe da zona de classificação. A Lusa assumiu o nono lugar com 16 pontos, mas deve perder algumas posições no decorrer da rodada. Já o União Barbarense, que poderia ter dormido na liderança, segue em quarto lugar com 19.

O JOGO
O primeiro tempo foi extremamente equilibrado. O União Barbarense seguiu usando sua estratégia de ficar atrás esperando uma oportunidade para matar o jogo. Desta forma, a Lusa teve mais posse de bola, cercou a área do adversário, mas não conseguiu levar perigo efetivo ao goleiro Murilo.

Gustavo Tocantins tentou de longe, sem direção. A Lusa também tentou explorar o oportunismo de Bruno Mineiro. O atacante foi bastante acionado no ataque, travou bom duelo com Murilo, mas não conseguiu finalizar com qualidade e facilitou para o camisa 1 do Leão.

A melhor chance dos donos da casa na partida veio em cobrança de falta de Sávio. Ele bateu forte e obrigou boa defesa de Luís Carlos. O Leão tentou aproveitar o bom momento e explorou o lado direito com Melgarejo, só que o ataque unionista não estava em boa noite e não chegou para finalizar.

O União voltou com uma nova postura para o segundo tempo, explorando a velocidade, sempre pela direita, com Melgarejo. O lateral ganhou companhia de Felipe Pará pelo setor e seguiu criando perigo. De tanto insistir, o União Barbarense abriu o placar aos dez minutos do segundo tempo. Após cobrança de escanteio, Leomar subiu livre no segundo pau e desviou de cabeça para o fundo das redes.

A Portuguesa, que só havia assistido o adversário jogar após a volta do intervalo, teve que sair para o jogo, mas não conseguiu se encontrar no ataque. Mesmo assim, a Lusa arrancou o empate aos 23 minutos com Nathan. O meia cobrou falta com estilo e não deu chances de defesa para Murilo.

O empate deixou o duelo aberto, com os dois times em busca do ataque. O Barbarense teve uma grande chance de voltar a ficar na frente com Felipe Pará. Ele recebeu passe dentro da área e finalizou na trave. No rebote, Luís Carlos apareceu para salvar e fez um pequeno milagre, quase em cima da linha.

De novo, na bola parada, a Portuguesa conseguiu a virada. Após cobrança de escanteio de Digão, Renan subiu alto e testou firme, sem chances de defesa para Murilo, aos 43 minutos.

PRÓXIMOS JOGOS
A Portuguesa volta a campo contra o Independente, na próxima segunda-feira, às 19 horas, no Estádio do Canindé, em São Paulo. Na quarta-feira, o União Barbarense faz duelo direto contra o Bragantino, às 19h30, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

Ficha Técnica

Fase
1ª Fase
Rodada
11ª rodada
Data
04/03/2016
Horário
20h00
Local
Estádio Antonio Lins Ribeiro Guimarães - Santa Bárbara d'Oeste (SP)
Árbitro
Leandro Bizzio Marinho

Renda
R$ 24.530,00
Assistentes
Orlando Massola Júnior e Gilberto Aparecido Romachelli

Público
1.422 pagantes
Cartões Amarelos
União Barbarense: Leomar

Gols
União Barbarense: Leomar 10' 2T
Portuguesa: Nathan 23' 2T, Renan 43' 2T
União Barbarense
Murilo Prates;
Juan Melgarejo, Lucas Cunha, Leomar e Sávio;
Alisson Costa, Felipe Recife, Vítor (Tomaz) e Braian Samudio (Medina);
Marllon e Allisson (Felipe Pará).
Técnico: Cléber Gaúcho.
Portuguesa
Luis Carlos;
Digão, Rafael Zuchi, Ferdinando e Anderson;
Renan, Boquita (Marcelo Labarthe), Caíque e Nathan (Caio Cezar);
Gustavo Tocantins e Bruno Mineiro (Diego Gonçalves).
Técnico: Ricardinho.
 
 
" />